O que mudou na Poupança?

Escrito por: Ulisses Nehmi | Data: 22/05/2012 | Categoria: 32 comentários
E a Poupança continua magra...

Como já deixamos bem claro, com as regras antigas a poupança não valia a pena. Ela podia ser, no máximo, conveniente para alguma parcela das aplicações de um investidor menos exigente. Agora a nova regra trouxe a simplificação que faltava: ficou mais evidente que a poupança não vale a pena.

Em sua essência, a poupança não foi feita pra ser um bom investimento. Ela foi concebida para ser uma maneira simples e acessível a qualquer cidadão guardar dinheiro. Hoje já temos diversas alternativas que permitem a qualquer investidor buscar um investimento com mais retorno, com risco igual ou até menor, e com muitas das facilidades da poupança (por exemplo, baixo valor de aplicação e liquidez).

Investir é a arte de comparar as alternativas disponíveis para o seu dinheiro. Por isso, sempre defendi que o cálculo da remuneração da poupança era complicado: 0,5% ao mês + TR, sem Imposto de Renda. Mesmo parecendo fácil, como se fazia para comparar isso com outra aplicação de renda fixa? Era uma tarefa hercúlea, cheio de depende disso, depende daquilo, etc. Fizemos até uma planilha pra ajudar, mas diante da complicação muita gente acabava preferindo concluir que a poupança devia ser melhor porque não tinha IR.

No entanto, essa regra da poupança tinha um problema conhecido de longa data. Quando os juros da economia caíssem para patamares mais civilizados (padrão internacional), corria-se o risco da poupança começar se tornar um bom investimento! Coisas do Brasil. O assunto era delicado e muita gente, inclusive eu, achava que não ia se mexer nisso em ano de eleição. Logo, os juros teriam que parar de cair.

O Governo surpreendeu, mudou a regra do rendimento da poupança. Resumidamente, as aplicações feitas até o dia 03/05/2012 seguirão a regra antiga de remuneração. Já as aplicações feitas de 04/05/2012 em diante, seguem uma nova regra: se a Selic estiver acima de 8,5% a.a., vale a regra anterior; se a Selic for de 8,5% a.a. ou menos, a poupança renderá 70% da Selic + TR. Todas as demais características (rendimentos no aniversário mensal, sem imposto de renda sobre os ganhos, com liquidez diária e sem aplicação mínima) continuam os mesmos. Felizmente o Brasil está progredindo.

Um presente pra quem tinha aplicação na Poupança antiga

O mais curioso é que quem tinha aplicação na poupança antiga corre o risco de ter uma excelente aplicação daqui um tempo, quando os juros básicos forem menores. Assim, vou explorar se vale a pena ou não resgatar da antiga poupança em outro artigo. E adianto: provavelmente não vale a pena! Como assim!? Alguém tem que pagar a conta. Nesse caso, o Governo foi bem populista e fez uma bondade com o dinheiro alheio: quem vai pagar a conta são os bancos. Colocarei mais detalhes nesse outro artigo.

Como fica o rendimento da nova Poupança?

As novas aplicações da poupança, que são contabilizadas separadamente nos bancos, continuam não valendo a pena, e isso fica bem evidente de forma simples e fácil de entender. Vamos fazer a conta? Se considerarmos uma aplicação de até 6 meses na renda fixa, que tem a maior tributação possível (22,5%), então a nova poupança equivale a uma aplicação de retorno de 90,3% do CDI bruto (70% = 90,3% * (100% – 22,5%)). Simples, não? Quer comparar com um CDB? Fácil. Com um título isento como a LCI? Com um fundo? Idem.

A tabela abaixo mostra que rendimento uma aplicação de renda fixa tem que ter para render a mesma coisa que a nova Poupança (já considerando que a Renda Fixa tem Imposto de Renda). Por exemplo: para uma aplicação com horizonte de 1 ano, um rendimento de 85% do CDI na renda fixa, mesmo descontando o Imposto de Renda, é maior que o rendimento da Poupança.

Para um prazo de… Com Imposto de Renda na aplicação de Renda Fixa de… A Poupança equivale a uma aplicação em Renda Fixa que rende…
Menos de 6 meses 22,5% 90,3% do CDI
De 6 meses a 1 ano 20,0% 87,5% do CDI
De 1 ano a 2 anos 17,5% 84,8% do CDI
Mais de 2 anos 15,0% 82,4% do CDI

Obs.: A tabela acima foi elaborada tomando como premissas que a Selic seja menor ou igual a 8,5% e que a TR seja zero.

 

Ulisses Nehmi é editor do Blog do Investidor e profissional da área de investimentos

Artigos relacionados
32 Comentários
  1. Barros de Freitas – Economista, em 22/05/2012

    As mudanças na poupança significam que:
    O Banco Central não tem mais compromisso com o controle da inflação. Suas decisões são politicas (IDEOLÓGICAS).
    O PT tem a intenção de praticar uma “taxa Selic abaixo da inflação”, ou seja , “juros negativos”. Caso isso aconteça, qualquer investimento em renda fixa, inclusive a poupança, TRANSFORMA-SE EM DESPOUPANÇA, ai, as economias dos Brasileiros que fazem poupança, chamados de modo pejorativo por alguns petistas radicais de “rentistas”, serão destruidas pela inflação, ou transferidas para as mãos dos capitalistas bem assessorados , que adoram a bolsa de valores para tomar o dinheiro dos menos informados que se arriscam na renda variável. Dessa forma, “adeus à aposentadoria complementar e outros sonhos de quem se esforça para poupar”. NÃO É CORRETO DESTRUIR AS ECONOMIAS DOS BRASILEIROS PARA AUMENTAR LUCRO DE EMPRESÁRIOS. ALERTA!!!”A POUPANÇA DO BRASILEIRO ESTA DESPROTEGIDA DA INFLAÇÃO.”
    ALERTA!!! “O GOVERNO RETIROU A PROTEÇÃO QUE A POUPANÇA TINHA, SABIAMENTE ESTABELECIDA EM LEI, CONTRA UMA INFLAÇÃO DE 6% AO ANO. ALERTA!!! “A NOVA POUPANÇA ESTÁ TOTALMENTE DESPROTEGIDA CONTRA A INFLAÇÃO.”

    • Ulisses Nehmi, em 22/05/2012

      Barros,
      Eu entendo que o mainstream econômico tenha alguma dificuldade de aceitar essas mudanças, mas o fato é que elas aconteceram. O que você sugeriria que fosse feito?
      Abs

  2. Investidor de Risco, em 22/05/2012

    Acho que quem investe em poupança, não está preocupado em entender como ela é remunerada… A grande maioria investe em poupança por desconhecer completamente outros tipos de investimentos… Não consigo enxergar outro motivo…
    Falta no Brasil, dentre várias coisas, educação financeira para a população. Aliás, se falta educação de qualidade, educação financeira é que faltaria mesmo, né?

    Abraços.

    • Ulisses Nehmi, em 22/05/2012

      Investidor de Risco,
      Concordo com você. Quem investe na poupança, ao meu ver, não está mesmo muito preocupado com essa questão. É a educação financeira mesmo.
      Mas que agora está mais fácil de ver que a poupança não é nada de mais, isso está… :-)
      Abs

    • Luiz Jamber, em 20/07/2012

      Você tem inteira razão … no Brasil não existe essa cultura de investimento, infelizmente. Se as pessoas soubessem que em mercado (Bolsa de Valores) existem diversos produtos de investimentos, como por exemplo, os fundos de investimentos imobiliários, CDB’s, LCI’s, entre outros produtos. Acho que muita gente tiraria o seu dinheiro da poupança e no minimo investiriam em título público.

  3. Bill Bob, em 23/05/2012

    Oi, Ulisses! Considerando as atuais taxas do Tesouro Direto, seria uma boa ideia tirar dinheiro da “poupança antiga” e aplicar (para longo prazo) em NTN-B, por exemplo? Isso considerando que as taxas do TD caíram cerca de 1 a.a.% em menos de um mês. Minha dúvida é porque só comecei a investir no TD agora e, pelo que vi, as taxas há alguns meses atrás (antes da queda na Selic) eram bem mais atraentes.

    • Ulisses Nehmi, em 25/05/2012

      Bill Bob,
      De fato, quando a Selic era mais alta, as taxas da NTN-B também eram mais altas.
      Justamente para não ficar nessa indecisão, sugiro sempre fazer a alocação de acordo com os seus objetivos. No caso, se o prazo de investimento for longo (mais de 10 anos, por exemplo), escolha a NTN-B (ou NTN-B Principal) equivalente. O artigo sobre pré, pós ou indexado à inflação.
      Abs

  4. Sabiston, em 23/05/2012

    Bom, num primeiro momento soa que num futuro a poupança PODE se tornar uma excelente investimento para quem TINHA antes da data estabelecida. Ai vem o porém, pensei isso na hora também. Mas logo pensei, coitado que vai ser assim … Vocês realmente acreditam que num segundo momento quando as taxas cairem (se cairem) o governo não vai mudar novamente? Vc acha que o governo vai ficar do teu lado ao invés do lado da pressão pelos bancos. Essa queda do IPI vc acha que é para te ajudar? Era só esperar mais uns 6 meses que iria baixar os preços sozinho (lei da procura e da oferta), mas o que vai o governo e faz? Baixa o IPI por 3 meses e as montadoras continuam com o lucro enorme. De nada adianta minha “greve” em boicotar a compra de carros novos. Enfim, cada dia o governo inventa uma regra. É como se num jogo de futebol, inventasse apos fazer o gol, que o gol de dentro da area não pode ser por chute, e sim apenas com a barriga. Enfim, um desabafo, revoltado com a situação que vivemos.

  5. Gloria J., em 23/05/2012

    Olea Ulisses, resolvi acompanhar o rendimento diário das aplicações e notei que nos ultimos 3 dias as NTNB PR,
    TD-LTN e PGBL ao invés de aumentarem, diminuiram. A que se deve esta perda? algum tipo de imposto? por favor, apesar de ler sobre tudo fico confusa no final.
    obrigada

  6. Paulo, em 24/05/2012

    A taxa Selic abaixo da inflação será um “confisco branco” .
    O Sr. Barros de Freitas foi perfeito em seu comentário.

    • GloriaJ, em 25/05/2012

      Entendi. E quanto as aplicaçnoes em Fundos DI e CDB?
      esta mesma regra de confisco é aplicada?

    • GloriaJ, em 25/05/2012

      ainda…e os planos “vgbl” ? mesma regra?

  7. Brandon, em 20/06/2012

    Nossa , to olhando o blog aqui e to apredendo bastante coisa . Tenho 18anos e não tenho muito noção sobre economia/finanças . Ja pretendo abrir uma conta digital e tava pensando numa poupança tbm , pra desde cedo ja salvar uma parte do meu salario pro futuro . Como falaram ai , realmente deveria ser dado nas escolas educação financeira porque eu msm fico muito confuso com essas coisas . Tenho uma duvida quanto a poupança , quanto ta a taxa de juros por mes ??? Se eu poupar por exemplo 500reais do meu salario todo mes durante 5 anos , com as taxas de hoje , quanto eu teria apos esses 5 anos ?? E existe outras formas seguras de investir tipo a poupança ?? Obrigado e estão de parabens .

  8. Ulisses, em 01/07/2012

    Ulisses, estou com uma dúvida no tesouro direto! Poderia me ajudar?
    Comprei alguns títulos do NTN-B principal vencendo em 2035 há alguns meses. A taxa de compra estava próximo a 4,40%! Hoje ela está em 4,79%.
    Você acha que vale a pena eu vender e recomprar?

    Obrigado

  9. Monira Lima, em 04/07/2012

    Ulisses,
    Estou ansiosa para ler o próximo post, sobre se vale a pena ou não resgatar da antiga poupança…
    Obrigada.

  10. dunha, em 14/07/2012

    espero que esteja tudo ok com vcs.

    apesar de o blog estar sem novas atualizações, espero que vcs não o desativem. tem muitas informações valiosas por aqui. tudo o que um investidor precisa saber sobre o tesouro direto e a sensacional série de posts sobre o imposto de renda são alguns exemplos. qualquer um consegue fazer uma declaração de IR com esses posts, muito didático mesmo.

    mais uma vez parabéns.

  11. Gisele Arantes, em 19/07/2012

    A respeito dos titulos do Tesouro Nacional :

    Como o governo tem lucro com isso ?

    E como o comprador, a pessoa física tem lucro ?

    • Edu, em 23/09/2012

      O governo vende os títulos pra financiar sua dívida, e não pra ter lucro.

  12. Thiago Dias, em 26/07/2012

    Boa tarde Ulisses! Primeiramente parabéns pelo blog! Minha idéia inicial era depositar 1000 reais ou mais por mês na poupança durante uns 5 anos até acumular com os juros algo próximo de 100mil, e depois investir esse montante em algo que me desse uma renda mensal (sei que não será muito, mas pelo menos algo que complemente o meu salário à princípio). Aí descobri o tesouro direto e vi que posso ter uma rentabilidade bem melhor do que a poupança nessa etapa de acumulação de recursos. Sei que os títulos mais próximos do período que pretendo resgatar (2017) terão uma incidência maior de IR, então ainda seria vantajosa essa estratégia? O que você poderia me recomendar para atingir essa meta?

    • Edu, em 23/09/2012

      Se você depositar 1000 reais por mês na poupança durante os 5 anos, no final desse tempo você vai ter 67.800,00.

  13. carolina, em 08/08/2012

    Ola,
    Estou com duvidas sobre a questão do saldo da poupanca antes da mudanca de regras. Se eu fiz resgate de um pequeno valor e não do saldo inteiro, antes das mudancas, continuo sujeita as regras antigas?

    • Edu, em 23/09/2012

      O restante do saldo antigo (depositado antes de 03/05) continua com as regras antigas

  14. Geraldo, em 09/08/2012

    E quanto `a liquidez característica da poupança? Qual outro investimento tem uma liquidez a essa altura? Sei que investimento só tem sentido com prazos (sejam curtos médios ou longos), mas pessoas com menos renda rfeuentemente acabam por ter necessidade desta liquidez. Qual seria um investimento melhor que a poupança com uma liquidez a altura?

  15. Fabio, em 22/09/2012

    Olá Ulisses! Gostaria de uma dica sua.

    Tenho 7mil na poupança antiga e 3 mil na nova.
    Tenho tmb um emprestimo que fiz para construir minha casa, ainda faltam 32 x 409,00. Quitando hoje fica 10 mil.

    Minha pergunta: Compensa quitar ou investir esse dinheiro em algo mais rentável mas seguro tmb, pois posso precisar dessa grana.

    Valeu

    Abs

    • Hugo, em 25/10/2012

      Quitar! O dinheiro não vai render os juros das parcelas, até por que, mensalmente você fará o montante diminuir com o pagamento de cada uma delas.
      Além disso, você diminui o risco de cair em tentaçào e usar este dinheiro em outras coisas menos importantes que sair da dívida.

  16. Dante, em 25/09/2012

    Ulisses, primeiramente muito obrigado pela dedicação dos posts.
    Isso quer dizer, que agora a poupança, à depender das taxas do Selic, poderá “comer” o dinheiro investido?

  17. João, em 28/10/2012

    Caros colegas engenheiros, o que vocês acham das LCA? Devido a ausência de IR é um investimento que tem rendimento acima da média? Ouvi de um parente como sendo uma grande maravilha, mas como não acredito mto em milagres, fiquei na dúvida! Tks

  18. Lemes, em 05/11/2012

    Investidor, sou totalmente leigo no assunto investimento. Posso dizer ainda que sou “analfabeto” quando se fala disso.
    Ando preocupado com bem pouco dinheiro que tenho na poupança e nada rende, a não ser de 4, 6 a 8 reais num mês (como disseram acima: “é mais para guardar dinheiro mesmo” vou usa-lo para adquirir um bem)…para um valor, POR EXEMPLO, de 3 mil, render algo legal até janeiro/2013 qual melhor invetimento posso buscar?

  19. Rafael, em 21/11/2012

    Uma ajuda? Fui no banco do brasil abrir um conta corrente só de serviços essenciais, liguei pro sac antes e me disseram que não era preciso um comprovante de renda. Quando fui ao banco o funcionário disse que precisava e tal, ficou enrolando e acabou que abrir uma poupança pois tava sem paciência e tive que viajar urgente no mesmo dia. Afinal de contas precisa de comprovante de renda para abrir um conta corrente somente de serviços essencias? Existe a possibilidade de mudança de poupança pra esse tipo de conta?

    • Ulisses Nehmi, em 02/12/2012

      Rafael,
      Não sei se é possível mudar.
      Mas a dificuldade de abrir uma conta na qual o banco terá um ganho muito pequena é, de certa forma, esperada… Eu mesmo já tive essa dificuldade, exatamente no BB. Mas se realmente for uma exigência ter um comprovante de renda, não tem jeito…
      Abs

  20. Bete, em 29/05/2013

    Gostaria de saber se a LCA do BB é um bom investimento,obrigada

  21. Danielle, em 02/01/2014

    ESTA DEMAISSSSSSSSSSSSSSS!!!!

Deixe seu comentário

*

Receba as novidades do Blog do Investidor