Como declarar o CDB no Imposto de Renda?

Escrito por: Ulisses Nehmi | Data: 06/03/2012 | Categoria: 123 comentários
Como declarar Investimentos no Imposto de Renda?

Série Como Declarar Investimentos no Imposto de Renda | CDB

Este artigo apresenta um resumo sobre a tributação do CDB e um guia passo a passo de como incluí-lo na Declaração Anual de Imposto de Renda Pessoa Física.

 

Tributação

Os rendimentos do CDB são tributados de acordo com as regras de tributação de renda fixa, com alíquota de IR regressiva de 22,5% a 15%, conforme o prazo de aplicação. O IR incide apenas quando o CDB é resgatado (resgate antecipado ou vencimento) e é recolhido automaticamente pela instituição financeira. Assim, o investidor já recebe o valor líquido e não precisa de nenhuma ação em relação à tributação.

 

Declaração anual do CDB no Imposto de Renda

Tenha em mãos o Informe de Rendimentos enviado pela instituição na qual você tem conta corrente, ele contém todos os dados que serão necessários. Se ele não chegar pelo correio, normalmente fica disponível no Internet Banking.

I. Como declarar os ganhos (rendimentos) em CDB?

O valor dos ganhos corresponde à soma do rendimento líquido (após desconto do IR) creditado em conta de CDB que venceram ou foram resgatados antecipadamente ao longo do ano. No programa IRPF 2012:

  1. Entre na opção Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
    IRPF - Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
  2. Clique no botão à direita de 06. Rendimentos de aplicações financeiras
    IRPF - Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva: Aplicações Financeiras
  3. Clique no botão Novo
    IRPF - Rendimentos: Novo
  4. No campo Especificação, digite uma descrição contendo o tipo de investimento (CDB), o nome e o CNPJ da instituição financeira conforme consta no Informe de Rendimentos e, caso seja aplicável, as informações sobre o agente de custódia (instituição financeira intermediária ou corretora)
  5. No campo Valor, digite o valor dos ganhos (Rendimento Líquido) em CDB (depósitos a prazo) exatamente como consta no Informe de Rendimentos
    Obs.: O Imposto Retido, quando mostrado, serve apenas para conferência, e não deve ser lançado em lugar nenhum
  6. Clique em OK
  7. Se necessário, repita o procedimento dos passos 3 a 6 para incluir o rendimento em CDB de outras instituições, conforme a figura abaixo
    IRPF - Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva - Quadro Auxiliar
  8. Clique em OK

II. Como declarar o saldo investido em CDB?

O valor que deve ser declarado na seção de Bens e Direitos corresponde à soma dos valores investidos em CDB. No caso de resgates parciais do CDB, o valor investido é reduzido proporcionalmente. No programa IRPF 2012:

  1. Entre na opção Bens e Direitos
    IRPF - Bens e Direitos
  2. Procure entre as opções existentes se existe alguma linha com a discriminação “CDB do Banco XYZ, CNPJ 99.999.999/0001-99″. Caso já exista essa linha, selecione essa linha, clique no botão Editar e pule para o passo 5 abaixo. Caso não exista, clique no botão Novo
    IRPF - Bens e Direitos - CDB
  3. No campo Código, escolha a opção 45 – Aplicação de renda fixa (CDB, RDB e outros)
  4. No campo Discriminação, digite uma descrição contendo o tipo do investimento (CDB), o nome e o CNPJ da instituição financeira conforme consta no Informe de Rendimentos
  5. No campo Situação em 31/12/2011, digite o valor do saldo investido em CDB exatamente como consta no Informe de Rendimentos
  6. Clique em OK
  7. Se necessário, repita o procedimento dos passos 2 a 6 para incluir as aplicações em CDB de outras instituições
    IRPF - Bens e Direitos - CDB

Você tem mais algum investimento? Veja o guia passo a passo para declarar outros investimentos no seu Imposto de Renda!

Ulisses Nehmi é editor do Blog do Investidor e profissional da área de investimentos.

Artigos relacionados
123 Comentários
  1. Leandro, em 07/03/2012

    Olá, amigos.
    Mesmo que eu não faça o resgate, terei que declara o saldo e o valor dos rendimentos liquidos?

    • Ulisses Nehmi, em 08/03/2012

      Leandro,
      Mesmo que não faça resgate do CDB, tem que declarar “ganhos” e “saldo” conforme o Informe de Rendimentos. De qualquer forma, se o CDB não tiver sido resgatado (nem parcialmente), o banco informará o rendimento como zero e o saldo como o valor inicial.
      Só no ano em que o CDB for resgatado o banco informará no Informe de Rendimentos o ganho da vida toda do CDB (e o saldo em CDB vai pra zero).
      Abs

      • Manoel, em 05/04/2012

        Muito boa essa informação porque tenho um CDB de 2010 e já estava achando que o banco havia errado no Informe de Rendimentos quando apresentou nos campos 31/12/2011 e 31/12/2012 o mesmo valor original aplicado em 2010, e que não é o mesmo que obtenho quando consulto o saldo da aplicação uma vez que obviamente houve rendimento até o momento.

        • Ulisses Nehmi, em 07/04/2012

          Manoel,
          É isso mesmo!
          Abs

  2. werley, em 09/03/2012

    Recebi um Informe de Rendimentos Financeiros do Banco e nele está assim:
    Informações Complementares
    RIP MODERADO
    Rendimentos – 8.750,18
    Imposto Retido na Fonte – 1.312,53
    Dúvidas: onde lanço os valores que constam em Rendimentos e Imposto Retido na Fonte? Estes valores estão ainda no próprio banco.

    • Ulisses Nehmi, em 11/03/2012

      Werley,
      Não sei o que é o RIP Moderado, mas no Imposto de Renda você só declara rendimentos líquidos de impostos.
      Se o banco manda o rendimento bruto e quanto foi recolhido de IR, então é necessário declarar a diferença (rendimento bruto – imposto retido na fonte).
      O que exatamente é esse RIP Moderado?
      Abs

  3. olá Ulisses, em 13/03/2012

    Gostei de do seu blog bem explicativo, por favor me tira uma duvida, tenho uma aplicação no CDB, há uns 2 anos, só que tem 3 anos que não declaro o imposto de renda.

    Isso porque, antes declarava como PJ, mas fechei a loja e depois disso não atingi a o valor minimo exigido para declarar.

    Este ano vou precisar declarar como PF, será que vou ter problema por não ter declarado antes esta aplicação? pelo que li nos outros post tenho mesmo que informar na declaração.

    Desde já agradeço a atenção.
    Abraços

    Irani

    • Ulisses Nehmi, em 21/03/2012

      Irani,
      Se antes você não declarava IR e agora vai declarar, precisa lançar todas as informações exatamente como constam no Informe de Rendimentos. A única observação que não está no guia acima é que você também precisa preencher o valor do saldo no ano anterior.
      Abs

  4. Patrick, em 14/03/2012

    Olá Ulisses!

    Agradeço pelas informações prestadas.
    Quase enviei minha declaração sem os dados das aplicações no CDB que fiz no ano passado.

    • Ulisses Nehmi, em 18/03/2012

      Patrick,
      Muito obrigado pelo comentário!
      Por isso é importante sempre importar o arquivo do ano anterior, assim não precisamos mais nos preocupar com os números anteriores…
      Abs

  5. Rafhael Lopes, em 20/03/2012

    Muito bom seu artigo, só fiquei em dúvida sobre como declarar o valor já retido no momento do resgate do CDB (informado pelo banco como imposto retido na fonte). Entendi bem como declarar o saldo atual do investimento em CDB e como declarar o valor do rendimento, mas não entendi como declarar o que já foi retido para abatimento. Grato!

    • Ulisses Nehmi, em 26/03/2012

      Rafhael,
      Como mostrado no artigo, no caso de CDB você não tem que lançar o imposto retido, apenas o rendimento líquido.
      Abs

  6. Rafael, em 23/03/2012

    Gostaria muito de auxílio para saber onde posso lançar o IR retido de uma aplicação de CDB, obrigado.

    • Ulisses Nehmi, em 26/03/2012

      Rafael,
      Como mostrado no artigo, no caso de CDB você não tem que lançar o imposto retido, apenas o rendimento líquido.
      Abs

  7. OSMAR, em 23/03/2012

    BOA NOITE
    pOR FAVOR ESTOU COM AMESMA DÚVIDA DO COLEGA SOBRE ONDE DEV LANÇAR O IR RETIDO DE UMA APLICAÇÃO CDB?.
    OBRIGADO.

    • Ulisses Nehmi, em 26/03/2012

      Osmar,
      Como mostrado no artigo, no caso de CDB você não tem que lançar o imposto retido, apenas o rendimento líquido.
      Abs

  8. NICANOR, em 24/03/2012

    Tenho a mesma dúvida sobre como inserir na declaração de ajuste o IR retido ao efetuar saque em CDB. Tenho mais de 65 anos e outra dúvida que tenho é se eu não seria isento dessa retenção de imposto, até porque sou aposentado do INSS. Grato

    • Ulisses Nehmi, em 26/03/2012

      Nicanor,
      Como mostrado no artigo, no caso de CDB você não tem que lançar o imposto retido, apenas o rendimento líquido.
      Quanto ao recolhimento do imposto, não existe essa isenção para aposentados do INSS: ele é devido por todos.
      Abs

      • Jemerson, em 26/01/2013

        Então, sobre o retido na fonte na hora do resgate do CDB é perdido? eu não tenho como recebe-lo de volta?
        è isso mesmo que eu entendi, ou eu o somo ao meu retido na fonte que vem da empresa em que trabalho?

  9. Sidnei, em 24/03/2012

    Há possibilidade colocar o valor do Imposto Retido na Fonte de Investimentos como CDB, e outros de Renda Fixa? Como faço para lançar eles na declaração?

    • Ulisses Nehmi, em 26/03/2012

      Sidnei,
      Como mostrado no artigo, no caso de CDB você não tem que lançar o imposto retido, apenas o rendimento líquido.
      Abs

  10. Ulisses Nehmi, em 26/03/2012

    Caros,
    Dada a quantidade de perguntas sobre ‘onde lançar o imposto retido’, coloquei uma observação no artigo. O imposto retido aparece apenas como informação, para conferência, e no caso do CDB não deve ser lançado em lugar nenhum.
    Abs

  11. Renata, em 28/03/2012

    Lendo seu blog, percebi que deixei de informar na declaração do ano passado meus dois CDBs feitos também no ano passado, o que está alterando por certo a minha evolução patrimonial. Preciso fazer a retificadora da minha declaração 2011/2010, ante de entregar a desse ano?

    • Ulisses Nehmi, em 07/04/2012

      Renata,
      A decisão é sua, mas se os valores forem relevantes para a sua declaração, é interessante fazê-lo.
      Abs

  12. Georges, em 30/03/2012

    Muito bom o artigo. Me ajudou bastante pois não achei esse tipo de informação em lugar algum a não ser aqui. Obrigado!

    • Ulisses Nehmi, em 07/04/2012

      Georges,
      Muito obrigado pelo comentário!
      Abs

  13. Rui, em 03 de Abril de 2012, em 03/04/2012

    Caro Ulisses,
    Parabéns pelo seu artigo sobre como realizar a declaração do CDB no Imposto de Renda.
    Porém ainda tenho 1 dúvida: no ano de 2011 venceram 3 aplicações que eu tinha em CDB. Devo lançar o valor total dos Rendimentos Líquidos do Informe de Rendimentos no quadro “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva”. Ou seja, todo o ganho de 3 anos pode ser lançado só na declaração de um ano específico. Grato pela orientaçao.

    • Ulisses Nehmi, em 07/04/2012

      Rui,
      É isso mesmo. Talvez fique mais fácil entender de outra forma: como o Imposto de Renda só é cobrado sobre o lucro no resgate ou vencimento, então só nesse momento haverá um ganho sujeito à tributação exclusiva. Dessa forma, nos anos anteriores você só deve ter lançado os valores aplicados e no ano em que eles vencem, você declara o rendimento obtido desde a aplicação até esse momento.
      Abs

  14. Ana, em 13/04/2012

    Obrigada pelo artigo, Ulisses, muito esclarecedor.
    Mas este ano foi a primeira declaração IR que fiz, e na época nem sabia que tinha de declarar CDB DI… Meu banco não me informou disso, e minha inexperiência me fez omitir essa informação! Sempre me informaram que o valor de IR do CDB era retirado apenas por ocasião do resgate. Agora olhando algumas mensagens antigas no internet banking vi tal declaração.
    Como faço? Posso ficar prejudicada por isso?
    Aguardo seu retorno, caso possa me informar.
    Grata.

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Ana,
      Se o valor do CDB não for muito alto e este for o primeiro ano que você deixou de ser isenta, não se preocupe.
      Abs

  15. Fabiano, em 14/04/2012

    No ano passado coloquei o codigo errado para a milha aplicação em CDB, ao invés do codigo 45 selecionei o codigo 74. Como devo proceder ? obrigado. Fabiano

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Fabiano, faça a retificação.
      Abs!

  16. LUCAS EDUARDO, em 17/04/2012

    Ulisses,

    Meu pai é aposentado e teve IR na fonte de uma ação vendida no mercado.Quais campos devo preencher? este IR na fonte de ações sao restituiveis?

    obrigado,

  17. Renato, em 21/04/2012

    Olá muito interessante o post! Porém tenho uma dúvida..

    Tenho uma conta conjunta, onde nesta sou segundo titular. Possuímos um CDB, é necessário declarar também? Como?

    • renato, em 25/04/2012

      Lembrando que o outro titular não faz a declaração..

      • Vitor Nagata, em 26/04/2012

        Renato, um dos titulares precisa declarar este CDB
        Abs

        • REnato, em 26/04/2012

          Vitor, porém o outro não faz e o valor é pequeno não ultrapassa o limite estipulado pela receita..

  18. Francis, em 23/04/2012

    Obrigado pelo esclarecimento. Pude tirar a duvida sobre o IR retido na fonte que veio na declaração da minha conta corrente.

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Francis, muito obrigado pela mensagem!
      Abs

  19. Tatiane, em 23/04/2012

    estou fazendo minha própria declaração pela primeira vez, sou funcionária municipal, coloquei todos os valores nos seus devido lugares, mas no comprovante de rendimentos lá no fim da folha em informações complementares veio seguinte:
    13°salário ————base bruta p irf 660,24
    previdencia 72,63
    irf 7,87

    me diga onde devo colocar essas informações?
    Obrigada.

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Tatiane,
      Ainda não fiz a parte de declaração de previdência. Sugiro buscar ajuda de um especialista nessa área.
      Abs

  20. ALBERTO, em 25/04/2012

    reforçando a pergunta sobre como declarar o valor já retido no momento do resgate do CDB. Sou isento do IR como fazer para restituir esse valor retido . ?

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Alberto,
      Sugiro procurar a orientação de um especialista, mas ao que me consta, a isenção de IR para portadores de doenças graves é válida para aposentadoria, reforma, pensão, etc, mas não para investimentos como o CDB.
      Abs

  21. Sandra, em 26/04/2012

    Sou esposa, não estou trabalhando, tenho cdb, faço em conjunto por conta do lançamento de minha mãe como dependente. Lanço o cdb no campo 11 ou no campo 6 da ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva?
    Obrigada.

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Sandra,
      Se o CDB tiver em seu nome (titular), lançar no campo 6.
      Se sua mãe é sua dependente e não declara mais IR, então o correto seria lançar no campo 11.
      Abs

  22. Bruno, em 27/04/2012

    Prezado Ulisses, tenho um CDB de aproximadamente 600 mil e resgatei ano passado 300 mil. O informe de rendimentos veio como rendimento liquido 107 mil e imposto retido 18 mil. Deixo de declarar os 18 mil retidos e declaro apenas os 107 de rendimentos? Mas daí terei que pagar imposto sobre esse valor (107) sem abater o imposto retido?

    Obrigado desde já,

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Bruno,
      O CDB é tributado exclusivamente na fonte. Assim, basta declarar os rendimentos líquidos para justificar a variação patrimonial. Fique tranquilo, esse valor do rendimento dos CDB não entra no cálculo geral de IR.
      Abs

  23. bruno, em 27/04/2012

    Ola Vitor,

    Parabéns desde já pelasa respostas e se puder me tirar uma dúvida agradeço.
    Resgatei um valor considerável de meu CDB ano passado e no informe de rendimentos aparece como rendimento liquido 107 mil. E imposto retido pelo banco de 18 mil. Preciso pagar IR sobre esses 107 mil?

    Obrigado desde já,

  24. janaina, em 27/04/2012

    tenho um cdb e nao tive rendimentos pois apliquei no final do mes no meu ir que o bnco mandou esta com o mesmo valor que apliquei coloco isso em bens de direitos ou emm rendimentos sujeitos a tributacao

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Janaina,
      Se você ainda não resgatou o CDB, ainda não teve rendimentos.
      Declare apenas o valor aplicado em bens e direitos como fala a parte II desse artigo.
      Abs

  25. Jefferson Conz, em 29/04/2012

    Praticamente tudo que faltava entender pra preencher esse ano achei aqui! muito obrigado!

    Melhor site do brasil para explicar o IRPF 2012!!!
    a receita federal deveria dar subsídios para vocês, premios, bônus, por ajudar tanto!

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Jefferson,
      Muito obrigado pelo comentário!! Fico feliz de ter ajudado!
      Abs

  26. Antonio Alves, em 29/04/2012

    Olá ,gostaria de saber se a pessoa que tem o imposto retido na fonte precisa declarar ? desde já agradeço !

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Antonio,
      Se você teve rendimentos com CDB, precisa declarar o rendimento líquido. Isso não significa que você será tributado novamente (já todo o imposto que você devia nesse caso ficou retido), mas é importante para justificar a sua variação patrimonial.
      Abs

  27. Maria, em 08/05/2012

    Duas duvidas:

    Fizeram para mim a declaração a este foi o meu primeiro ano a declarar, tenho investimento em CDB, 2011 foi a primeira vez que apliquei mas ao verificar minha declaração vi que a pessoa que fez não separou o saldo que tinha na conta corrente do CDB, colocou tudo junto como saldo da minha conta. Há algum problema?
    Eu tinha no ano passado algumas capitalizações, sou obrigada a declarar isso? Pois não sabia que tinha que declarar e li na internet que sim.

    Nestes dois casos, tem algum problema, eu tenho que fazer alguma restituição?

    Tenho muito medo de cair na malha fina, ainda mais se foi por inexperiencia.

    Obrigada desde já.

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Maria,
      O ideal seria fazer a retificação do ano anterior.
      Nesse caso, não parece ter muito problema se você só acertar os saldos de 31/12/2011 de acordo com o Informe de Rendimentos, da maneira correta, mas fica a seu critério.
      Abs

  28. Maria, em 08/05/2012

    Erro: retificação.

  29. carlos edison dos santos, em 30/05/2012

    Sou aposentado e isento de IR por molestia grave. Ao resgatar um CDB ,pago IR ou não?

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Carlos,
      Pelo que entendo, a isenção de IR por doença grave só é válida para rendimento de aposentadoria, complemento de renda e pensão, mas não para investimentos como CDB.
      Sugiro buscar ajuda de um especialista ou com a Receita Federal.
      Abs

  30. vilson, em 15/06/2012

    muito bom este blog, porem fiquei na duvida, se a pessoa fisica e issenta do IR, o valor do IR sobre aplicacao do CDB e restituida

    • Ulisses Nehmi, em 16/06/2012

      Vilson,
      É o mesmo caso do comentário anterior. Ao que me consta, mesmo que a pessoa seja isenta de IR, isso é válido para alguns casos, como aposentadoria, pensão, complemento de renda, etc, mas não para investimentos como CDB.
      Sugiro buscar ajuda de um especialista ou com a Receita Federal. E se puder compartilhar a resposta, agradeço…
      Abs

  31. Andreia, em 18/06/2012

    Tenho uma conta conjunta com meu pai, na qual sou primeira titular. Ele recebeu um dinheiro devido a venda de uma propriedade e pediu para que eu aplique para ele em CDB. Pelo que eu saiba, o CDB é vinculado ao CPF do primeiro titular da conta. Como vou poder declarar isso no meu imposto de Renda ??

  32. Marcone, em 06/07/2012

    A instituição financeira fez aplicação em cdb di sem autorização.preciso fazer o resgate e não tem 60 dias ainda.para efeitos de declaração ..suponhamos um investimento de 40K.eu teria que pagar ao leão 22,5% deste valor?mesmo sem ter rendimento?o que seria correspondente a 9K é isso mesmo?

  33. Andréia, em 11/07/2012

    Já que o imposto retido na fonte de aplicações financeiras não é lançado na Declaração. Como solicito restituição desse saldo retido?

  34. Igor, em 28/08/2012

    Oi,
    Queria saber qual é o valor mínimo aplicado no cdb ou cdi,para que seja necessário declaração do imposto de renda?

  35. Rodrigo, em 12/10/2012

    Boa tarde!

    Tenho uma pergunta:

    Minha mãe ganhou uma quantia em dinheiro devido a seguro, porém ela não declara imposto por ser isenta. Como fazer para declarar este fundo? É necessário?

    Muito obrigado!

  36. Aline, em 18/10/2012

    Entendi que não se deve lançar o Ir retido na declaração. Mas no final, tem algum impacto a aplicaçaõ em CDB? Como imposto a pagar ou a receber, por exemplo?

  37. Francisco Sales, em 28/11/2012

    Boa tarde,
    Tenha uma dúvida, por exemplo, uma pessoa que teve R$ 100.000,00 de salário do ano, e teve R$ 14.000,00 de IR retido na fonte, e teve também outras receitas, as quais não sofreram retenções, como aluguéis. Ao fazer a declaração é preciso colocar novamente o valor de R$ 100.000,00?Lembrando que já teve retenção na fonte.
    Dede já, agradeço e parabéns pelas dicas.

    • Ulisses Nehmi, em 29/11/2012

      Francisco,
      Não temos nada aqui no blog sobre esse assunto. Sugiro que você consulte um especialista na área ou o site da Receita Federal.
      Abs

  38. Isaque, em 10/01/2013

    Amigo, como vai?
    Obrigado pelo serviço prestado a todos!
    Estou iniciando um plano de previdência, que tem a opção para “Imposto sobre o Resgate”. Nela, a informação diz que para a Declaração Simplificada, não há incentivo Fiscal e a dedução é sobre o rendimento, e , para a Declaração Completa há incentivo de 12% e a dedução é sobre o resgatado.
    1 – Onde de fato há ganho, já que tenho a opção das duas declarações, sendo que a completa eu declaro Investimento, e a Simples não ???
    2 – Devemos usar o plano com alíquota progressiva ou regressiva?
    3 – Quanto aos investimento dos rendimentos, o melhor seria 100% renda fixa, 15, 30 ou 40 em variáveis??

    Obrigado mais uma vez!!!

  39. Jemerson, em 26/01/2013

    Então, sobre o retido na fonte na hora do resgate do CDB é perdido? eu não tenho como recebe-lo de volta?
    è isso mesmo que eu entendi, ou eu o somo ao meu retido na fonte que vem da empresa em que trabalho?

  40. WILSON, em 22/02/2013

    NÃO DECLAREI IMPOSTO DE RENDA PESSOA FISICA EM 2012 E NEM JURIDICA E AGORA QUERO REGULARIZAR O DE MINHA EMPRESA E NÃO TENHO CODIGO PRA DECLARAR O DA PESSOA JURIDICA. O QUE FAZER?

  41. Renato Alves, em 24/02/2013

    Poderia me explicar o que é Informe de Rendimentos Financeiros-Pessoa Física?
    Chegou para meu pai esse documento do Banco do Brasil
    E eu já pesquisei e não sei como explicar para ele.
    Só que sei que ele não declarou o imposto de 2012

    desde já agradeço sua resposta…..

  42. CARLA, em 27/02/2013

    ADOREI O SITE MUITO ESCLARECEDOR!!

  43. Roberta, em 01/03/2013

    Adorei este blog. Muito detalhado e sem enrolação. Parabéns Ulisses.

  44. Déia, em 01/03/2013

    Ulisses, fiz vários trabalhos para pessoas físicas isentas que nem entregam declaração. Esses trabalhos, no decorrer do ano me rendeu aprox. R$ 30.000,00. Não posso declarar uma vez que não posso comprovar a origem. Como procedo?

  45. Gostaria de saber sobre a mesma coisa de todos o valor retido na fote pelo CDB, onde lanço, o q eu paguei na hora do resgate, ATE P Q QUERO QUE DEDUZA ISSO DO QUE EU TENHO Q PAGAR, OU NÃO É POSSIVEL, EU PERDI ESSE VALOR, SERÁ QUE POSSO USAR P DIMINUIR, em 02/03/2013

    Gostaria de saber sobre a mesma coisa de todos o valor retido na fote pelo CDB, onde lanço, o q eu paguei na hora do resgate, ATE P Q QUERO QUE DEDUZA ISSO DO QUE EU TENHO Q PAGAR, OU NÃO É POSSIVEL, EU PERDI ESSE VALOR DE IMPOSTO RETIDO NA FOTNE, SERÁ QUE POSSO USAR P DIMINUIR O SALDO DO IMPOSTO QUE TENHO QUE PAGAR, ME AJUDE NISSO, ONDE LANÇO

    • Roberto, em 06/03/2013

      Essa retenção é Dada como Rendimentos sujeitos a tributação exclusiva/definitiva, ou seja, não tem como restituir.

  46. LUIS, em 02/03/2013

    Gostaria de saber sobre a mesma coisa de todos o valor retido na fote pelo CDB, onde lanço, o q eu paguei na hora do resgate, ATE P Q QUERO QUE DEDUZA ISSO DO QUE EU TENHO Q PAGAR, OU NÃO É POSSIVEL, EU PERDI ESSE VALOR, SERÁ QUE POSSO USAR P DIMINUIR O SALDO DO IMPOSTO QUE TENHO QUE PAGAR, ME AJUDE NISSO

  47. Daniel, em 05/03/2013

    Fantástica explicação, com o passo a passo mostrando imagens do sistema, realmente muito bom.
    Uma dúvida, não me atentei ao CDB do ano passado e não declarei, devo colocar a situação real no campo do ano anterior? ou deixo zero e só coloco o valor do campo atual?

  48. Erlon, em 10/03/2013

    Muito boas as dicas, achei este blog pelo Mr. google.Parabéns por deponibilizar seu tempo para ajudar as pessoas.
    Obrigado.

  49. Bene, em 15/03/2013

    Olá. Quero agradecer pelas dicas muitos uteis e atualizadas. Me ajudou bastante. Obrigado!

  50. Andre, em 15/03/2013

    Ulisses, excelente post. obrigado
    No Campo IMPOSTO PAGO/RETIDO eu deveria informar no item 03 o que foi retido de IR?
    ABS

  51. Andre, em 15/03/2013

    Outra pergunta: Vendi um terreno por 100 mil por exemplo e amortizei parte no meu atual apartamento e a outra metade esta na poupança da minha esposa. Como não é tributável eu devo apontar isso?

  52. ANGELA, em 22/03/2013

    BOM DIA, GOSTARIA DE SABER SE TENHO QUE DECLARAR AS VEZES QUE FIZ RESGATE DO CDB, E COMO FAÇO ISSO. OBRIGADA

  53. Hugo César, em 22/03/2013

    Parabéns pelo blog, principalmente na questão aplicação cdb, foi de grande ajuda, Continue e vai contribuir com muitos que necessitam de informações claras como as suas. Obrigado.

  54. Carlos, em 24/03/2013

    Esqueci de declarar o valor da aplicação na declaração de 2012, posso apenas declarar essa ano colocando o saldo do ano anterior e o atual, ou se faz necessário a retificação?

  55. luiz carlos, em 24/03/2013

    Muito bom o artigo. Me ajudou bastante pois não achei esse tipo de informação em lugar algum a não ser aqui. Obrigado!

  56. Elsner Joi Fujita, em 27/03/2013

    Bom dia, Sr. Ulisses! Vou seguir esses mesmos passos para 2013.

    No ano passado meu CDB deu baixa automatica e, obviamente, houve imposto retido na fonte.

    So gostaria de saber se terei o direito a alguma restituicao considerando que estive desempregado e sem fonte de renda. Obrigado pelas informacoes, o Sr. eh muito prestativo.

  57. Henrique, em 31/03/2013

    Excelente matéria, me ajudou muito! Inclusive nos comentários já existentes (todos muito bem respondidos), pude tirar outras dúvidas!

  58. SHEYLA SANTOS, em 04/04/2013

    recebir o informe de rendimentos financeiros, do Banco aonde vem informando que aplico e resgato automaticamente em CDB, e dizendo que devo informar os rendimentos e saldos nos quadros RENDIMENTOS SUJEITOS À TRIBUTAÇÃO EXCLUSIVA – APLICAÇÕES DE RENDA FIXA e informações complementares. aonde devo colocar nos rendimentos sujeitos a tributação exclusiva/Definitiva ou em bens e direitos? ou nos dois?

  59. Sergio, em 05/04/2013

    Obrigado pelo artigo.

    No informe de rendimento para IRPF mostra o Rendimento Líquido do CDB. Esse valor é o rendimento efetivo da aplicação? Por exemplo, se tenho R$ 500.000,00 no CDB e aparece um rendimento líquido de R$ 3.000,00, este é o montante que rendeu a aplicação?

    Obrigado

  60. Rodolfo Teixeira, em 08/04/2013

    Obrigado. Explicação muito clara.

  61. Marcelo, em 09/04/2013

    Excelente Blog
    Estou fazendo minha primeira declaração pois sempre fui isento, recebi o informe de rendimentos do Banco com os saldos que eu tinha em 31/12/2011 e em 31/12/2012, na declaração eu informo também os saldos que eu tinha em 31/12/2011 ou deixo zerado o campo (pois nunca fiz DIRPF) e informo os saldos em 31/12/2012 ou informo os dois.

  62. Tatiana, em 11/04/2013

    Boa Tarde! No informe de rendimentos emtido pelo banco o rendimento líquido do meu CDB é zero, pois não efetuei nenhum saque. Com declaro isso no imposto de renda? Preenchi o campo de especificação, mas como o valor é zero, parece que não salvou. Desde já agradeço a atenção.

  63. Eliana, em 14/04/2013

    muito esclarecedor seu blog, muito obrigada

  64. Marcos Torres, em 15/04/2013

    Queria receber este valor retido, que sacanagem!! fiquei até feliz… muito bom o Blog!!

  65. Ronaldo Gonçalves, em 16/04/2013

    Boa noite!
    Prezado, Como faço para resgatar o imposto retido na fonte de aplicação financeira (CDB)??
    Grato.

  66. Alexandre, em 17/04/2013

    Ao sacar o CDB se paga de 15 a 22,5% de IR na fonte… quando se faz a declaração anual se paga novamente imposto? Esse valor de imposto recai sobre o valor total pagando a diferença até 27,5% ou simplesmente, além do valor já pago, se paga mais 27,5% sobre o valor do rendimento líquido do CDB (visto que é esse o valor que deve ser colocado na declaração)?

  67. IR, em 18/04/2013

    Oi td bem? tenho uma dúvida onde coloco o valor do IR de um CDB, onde coloco na declaração por favor? qual o campo? já coloquei o saldo e o rendimento. obrigada

  68. RENATO ALMEIDA, em 22/04/2013

    ÓTIMAS INFORMAÇÕES, ME AJUDOU MUITO NO PREENCHIMENTO DE MINHA DECLARAÇÃO.
    ABS!

  69. AMIGOS.. MEU NOME É RICARDO, em 24/04/2013

    iMOVEL ADQUIRIDO COM RECURSOS DE APLICACAO CDB, QUE ESTAVA LANÇADO EM MEU IRPF, POSSO LANÇAR ESTE IMOVEL METADE NA MINHA DECLARAÇÃO E METADE NA DECLARAÇÃO DA ESPOSA?

  70. RICARDO BELLINI, em 24/04/2013

    TENHO IMOVEL NOS U.S.A. DECLARADO NO BRASIL E LÁ, QUANDO LANCEI NOS BENS E DIREITOS, COLOQUEI O VALOR DA COMPRA EM DOLARES PELA CONVERSÃO DO DIA EX. 1,70X us$ 219.000= r$ 370.000 , NESTE ANO O VALOR É 2,04Xusd219.000= rs 446.760, ESSA DIFERENÇA TENHO QUE PAGAR ALGUMA COISA POIS DA AUMENTO DE PATRIMONIO?

  71. Marcus, em 29/04/2013

    Parabéns pelo artigo.

    Estou com uma dúvida, o informe de rendimentos do CDB que o banco me mandou consta lançamentos no campo “rendimentos suj. a tributação exclusiva” e tb, para a mesma aplicação e valor, lançamento no campo “bens e direitos”

    Está correto isso ? .. lançando nos 2 campos não há duplicidade ?

  72. Catiana, em 15/05/2013

    Olá,

    A empresa onde trabalho possui uma aplicação em CDB, onde há IRRJ. Sendo que a cada trimestre o contador sempre faz um cálculo, que ainda não entendi, que incide novamente o IR (15%). Como é feito esse cálculo? Ele se aplica, já que no meu CDB já é feita a retenção do IR?

    Agradeço, desde já.

  73. Mari, em 11/09/2013

    Caro Ulissess,
    Artigo excelente, me ajudou muito a entender o CDB.
    Temos uma companhia com 6 socios.
    No ano passado foram aplicados 1 millhao de reais no CDB Facil CDI do Bradesco po 3 anos com liquidez diaria ( de 2012 a 2015)
    Houveram 4 resgates parciais deste investimento este ano e os rendimentos dos juros cairam substancialmente e tambem o valor a ser pago de IR.
    Parece que perdemos todos os juros acumulados cada vez que resgatamos e agora so mostra os juros sobre o saldo atual.. Isso esta certo? Perdemos todas as vantagens do CDB quando resgatamos antes dos tres anos?
    Desculpe, nao fui involvida nestas decisoes entao estou tentando enter como funciona o CDB.
    Se entendi bem nao preciso declarar os rendimentos do CDB
    ate o final do termo do investimeto (3 anos) certo?
    Agradeco antecipadamente pelo esclarecimento.
    Mari

  74. Felipe Scampini, em 13/10/2013

    Ulisses Nehmi,
    boa tarde tudo bem? Infelizmente declarei imposto de forma incorreta. E terei que fazer a retificadora, porém já paguei integralmente o DARF (código 0211).

    Como faço a retificadora sem ter que pagar novamente pelo DARF? Há algum lugar onde tenho que lançar estes valores?

    Muito obrigado!

    Atenciosamente,
    Felipe

  75. Arthur Luiz, em 09/02/2014

    Olá, gostaria de uma informação.
    Gostaria de aplicar dinheiro em renda fixa como cdi ou outro investimento, se o valor for maior que 10.000,00 R$ qual seria o mais melhor?
    Abs

  76. Miria, em 07/03/2014

    Olá, nunca precisei declarar IR devido meus rendimentos serem abaixo do estipulado. Estava pensando em depositar entre cinco a sete mil reais em CDB. Aí terei de começar a declarar se fizer este investimento?
    Obrigada!

  77. Francisco Salazar, em 10/03/2014

    Bom dia, eu tinha uma aplicação CDB que resgatei no ano 2012, mas nunca declarei IR nem nada, o valor era baixo do lucro, aprox.$R 500 (descontando o imposto de renda), que posso fazer nesse caso? preciso declarar isso

  78. Victor Santos, em 14/03/2014

    Em primeiro lugar, excelente artigo. Já o usava nos anos anteriores para fazer a declaração de alguns CDBs que eu tinha. Em 2013 em liquidei todos os meus CDBs mas para a minha surpresa, o banco Itau faz aplicação automática do saldo da conta em CDB e ao pegar o informe de rendimentos do Itau estava lá o meu saldo líquido (menos R$ 150) aplicado em CDB com rendimento líquido de R$ 1,51. Eu devo lançar o saldo em 31/12 na parte de bens e direitos ou apenas o rendimento líquido?

    o CDB no informe de rendimentos:
    Especificação Saldos em Cotas em 31/12/2013 Saldos em 31/12/2012 Saldos em 31/12/2013 Rendimentos Líquidos
    APLICACOES DE RENDA FIXA
    RDB/CDB(01)(*) 0,00 3.610,10 1,51

    Obrigado.

  79. ricardo assi, em 19/03/2014

    Bom dia sempre declarei normalmente a simplificada porém tenho poupança a anos mais de dez e nunca coloquei na declaração ja tem um valor relevante como proceder para declaração de 2013?

  80. rafael, em 20/03/2014

    como devo declarar o imposto retido na fonte no cdb

  81. Sara Cavalheiro de Almeida, em 24/03/2014

    Tenho uma empresa em sociedade com minha mãe de 73 anos, porém ela está inativa há 10 anos e todo ano declaro sua inatividade, acontece que minha mãe está aposentada e seu salário não ultrapassa o limite de isenção, ainda tenho que fazer sua declaração de ajuste anual?

    - Meu marido abriu uma microempresa (MEI) em setembro/2013, seus rendimentos devem ser declarados? Antes disso ele prestava serviço como autônomo num Sindicato e recebia por RPA do qual era feito desconto de 11% de INSS e também o Imposto de Renda era retido diretamente na fonte, como fica agora que ele é MEI?

    - Sendo eu proprietária de uma empresa que está inativa há mais de 10 anos, e tenho rendimentos provenientes de auxílio-doença – INSS, e esses rendimentos também não ultrapassam o limite de isenção, tenho que fazer a declaração?

  82. Conceição Loche, em 24/03/2014

    tenho uma aplicação CDB no Bradesco que fiz maio do ano passado de R$ 6.000,00 com o rendimento atualizado de R$ 672,49. Como e onde declaro estes valores.

  83. WESLEI FERNANDES, em 25/03/2014

    O IMPOSTO RETIDO (PAGO) NA HORA DO RESGATE DO CDB OU OUTRO INVESTIMENTO EM RENDA FIXA, NÃO É RESTITUÍDO (DEVOLVIDO) PELA RECEITA ? É UM VALOR PERDIDO ?

  84. Gilberto, em 07/04/2014

    Prezados amigos, li com muito cuidado as perguntas feitas pelos internautas, bem como suas respectivas respostas. Não quero “bater na mesma tecla”, mas tenho uma pergunta: “fiz o resgate completo do meu CDB, de um determinado banco. Bem, no demonstrativo consolidado tem as seguintes informações: Rendimento Tributado R$ 13.000,00 / Imposto de Renda R$ 2.000,00 / Rendimento Líquido R$ 11.000,00. O que devo lançar na declaração é somente o rendimento Líquido R$ 11.000,00 (Rendimentos Sujeitos a Tributação Exclusiva/Definitiva (ítem 06) ? os valores informados em Redimento Tributado e Imposto de Renda, são só para informação, certo? desde já agradeço imensamente. Abraço a todos.

  85. Jorge Castro, em 09/04/2014

    Declaro como PF e há 04 anos nao incluo na declaração os valores de poupança e cdb e respectivos rendimentos.Por ocasiao estou comprando um imovel com meu filho e para receita tem que constar o patrimonio para tal aquisição.Posso fazer as retificadoras destes 04 anos, pagarei alguma multa. Me oriente por favor
    Abraço

  86. Fabiano, em 12/04/2014

    Eu consigo restituir o IR que teve em cima do CDB?

  87. CELSO, em 15/04/2014

    tinha aplicação em CDB desde 2008 mas não declarava em separado, ia tudo junto como aplicação em renda fixa. Fiz resgate em 2013 e deu um rendimento líquido desde 2008, valor muito alto, muito acima do razoável. Por esta razão neste ano separei na declaração de bens para que a Receita entenda o porque do rendimento líquido muito alto. Fiz certo ?

  88. LUCIA, em 22/04/2014

    Bom dia! Possuímos uma empresa de manutenção e na conta corrente da empresa sao debitadas valores referentes a previdencia privadas para os socios em VGBL. Pergunto: Temos que lançar no IRPF em bens e direitos esses valores acumulados anualmente ou esse lançamento fica para a declaração IRPJ que o contador faz anualmente?

  89. Paulo Evilázio de Souza, em 01/09/2014

    òtimas informações, lancei em 2013, Imposto retido na fonte de CDB, e a Receita não libera a minha restituição,o extrato de processamento esta assim: Possível Inconsistência no carnê-Leão (código Darf 0190) ou Imposto complementar ( Código 0246 ) nos sistemas da RF, Como devo corrigir o referido lançamento?

Deixe seu comentário

*

Receba as novidades do Blog do Investidor