Dicas para Declaração de Imposto de Renda 2012

Escrito por: Vitor Nagata | Data: 28/02/2012 | Categoria: 192 comentários
Dicas para Declaração de Imposto de Renda

Com o fim do Carnaval, mais uma vez temos que declarar o Imposto de Renda. Na última sexta-feira (24/02/2012) foi liberado para download no site da Receita Federal o programa para Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2012 (IRPF2012). Desta forma o contribuinte tem 2 meses (de 01/03/2012 a 30/04/2012) para entregar sua declaração.

Tenho certeza que você não vai correr atrás disso tão cedo, mas é bom não deixar pra última hora, ou pelo menos ir se planejando. Ano passado publiquei um artigo com algumas dicas para declarar o Imposto de Renda. Estas dicas ainda são válidas, portanto citarei alguns itens novamente e adicionarei outros.

Veja também um guia detalhado criado por nós sobre como declarar seus investimentos no imposto de renda.

Vale lembrar que eu não pretendo entrar em detalhes de valores, limites, taxas e tarifas: para isto recomendo sempre consultar um profissional especializado, como um contador ou planejador financeiro:

  1. Não deixe para enviar na última hora: a maioria dos contribuintes deixa o envio da declaração de Imposto de Renda pela internet para os últimos dias. Enviá-la antes evita lentidões e eventuais imprevistos causados pela sobrecarga dos computadores da Receita Federal. É comum que o sistema fique bastante instável ou fora do ar na última semana. Lembre-se: o prazo vai até o dia 30 de abril de 2012, e após isto há uma multa.
  2. Deduções: Não se esqueça de guardar os recibos e declarar despesas passíveis de dedução, como educação, despesas médicas. Lembre-se que todas estas despesas precisam ser comprovadas, com CNPJ e etc., portanto não invente. Se não se organizou durante o ano e não tem os recibos, não se preocupe: opte pela declaração simplificada.
  3. Completo ou Simplificado: Se você tem muitas despesas para deduzir (valor maior que 20% dos rendimentos anuais ou maior que R$ 13.317) e pode comprová-las, faça a declaração completa. Do contrário, a declaração simplificada é suficiente. Na dúvida, faça a simulação em ambos no programa e veja qual é mais vantajoso. Geralmente para quem possui apenas uma fonte pagadora e tenha poucas deduções (ou não consiga comprová-las), a declaração simplificada é mais vantajosa.
  4. Para dependentes: Ao ser declarado dependente de alguém lembre-se que a renda do dependente isento deve ser declarada e somada à renda tributável do titular. Por isso declarar um dependente com renda pode não ser tão vantajoso quanto parece.
  5. Para isentos: Não é mais necessário declarar isento. Portanto não se preocupe mais com a possibilidade de ter seu CPF suspenso por esquecer de declarar.
  6. Separe as declarações, receitas e bens de seus familiares ou cônjuge: Há uma isenção individual limitada sobre a renda tributável. Assim, faça a declaração de forma separada de outro integrante da família que tenha renda significativa. Outra dica é dividir alguns bens/rendas comuns com o cônjuge, como, por exemplo, um aluguel. Há isenção e alíquotas menores de IR para aluguéis recebidos até certos valores, e o limite total de isenção pode aumentar se você dividir os valores recebidos entre os cônjuges.
  7. Organize os seus informes de rendimento o mais cedo possível: Não deixe para a última hora para correr atrás dos comprovantes, saldos de conta correntes e investimento. Algumas instituições pedem um prazo para enviar a segunda via. Todas as instituições são obrigadas a postar pelo correio (ou disponibilizar via internet) os informes de rendimento até o final de Fevereiro. Se não tiver recebi algum até o dia 15/março, corra atrás.
  8. Evite omitir dados: O controle sobre o que é declarado é cada vez maior, e a Receita Federal cruza os dados declarados com outras fontes, a exemplo da Nota Fiscal Paulista. Por este motivo, não omita dados evite a malha fina. Nessas horas, checar todas as receitas do ano no seu programa de controle de finanças pessoais pode ajudar muito.
  9. Evite erros: Parece óbvio, mas é importante que o formulário seja preenchido com atenção e sem pressa, para evitar erros. Nos casos em que há situações que fogem da rotina, (Ex.: ganhos em ações judiciais, herança, etc) é recomendada a leitura da seção “Perguntas e Respostas” do site da Receita Federal. Se não ficar claro, consulte um profissional especializado. Visite também a página da receita com outras dicas para evitar a malha fina.
  10. Identifique inconsistências: Verifique o mais básico: a variação patrimonial no ano. Se ela for incompatível com os rendimentos recebidos e informados na declaração, é bem provável que você seja pego na malha fina.
  11. Correção de formulário recém entregue: Não se desespere, é possível retificar e corrigir a declaração até 1 mês após o prazo final de entrega.
  12. Correções de formulários passados: Fique atento ao prazo de 5 anos para corrigir erros nos formulários passados.
  13. Restituição: Lembre-se de cadastrar uma conta que você não planeja encerrar no curto prazo, a fim de evitar problemas no recebimento da restituição.
  14. Caiu na malha fina?: Acesse esta página no site da Receita Federal  e consulte quais são as pendências existentes em sua declaração. Ao identificar, baixe o programa o programa para retificação de declarações e faça as suas correções.
  15. Imóveis: Em geral, sofreram grande valorização nos últimos meses e a diferença positiva entre o preço de compra e venda (lucro) é tributada em 15%. Como dica, sugiro acrescentar os gastos com melhorias do imóvel, como reformas e pintura, para assim diminuir esta diferença (aumentar o valor de compra). Lembre-se de que é necessário comprovar estes gastos. Outra dica é descontar os valores de corretagem na hora da venda e somá-los na hora da compra, para assim diminuir o lucro. Outro aspecto importante é que o IR sobre o ganho na venda de imóveis deve ser pago em até 30 dias da data da venda, e não apenas na declaração anual. Evite as multas por atraso!
  16. Tributação na fonte: Tome cuidado com rendimentos com tributação na fonte para não pagar IR duas vezes. Fundos de ações são um exemplo disso.
  17. Rendimentos isentos: Fique atento a rendimentos isentos de IR (Ex.: Férias vendidas, dividendos ou ganhos com ações cujas vendas mensais sejam inferiores a R$ 20.000). Mesmo sendo isentos, eles devem ser declarados na seção “Rendimentos Isentos ou Não-Tributáveis”
  18. Após enviar a declaração: Não se esqueça de salvar a declaração enviada e o número do recibo em algum lugar seguro, para que seja fácil encontrá-los no próximo ano.
  19. Pergunte: Não economize perguntas nesta hora, pois erros na declaração podem levá-lo à malha fina ou a multas, mesmo que o erro não seja intencional.
  20. Consulte um profissional: o serviço não é caro e evita muitos problemas, por isso não deixe o barato ficar caro. Lembre-se que consultar um profissional não exclui a necessidade de organizar as suas informações (comprovantes e documentos): isso será a primeira coisa que ele pedirá. Não tem mágica.

Vitor Nagata é editor do Blog do Investidor e profissional da área de investimentos

Artigos relacionados
192 Comentários
  1. Vinicius Wronski, em 29/02/2012

    Olá, fiquei com uma dúvida, tenho 20 anos, sou estudante universitário e trabalho, no entanto minha renda não atinge o teto exigido pela Receita, preciso fazer alguma declaração mesmo nunca tendo feito nenhuma antes? Obrigado desde já pela atenção, o blog é excelente e sempre indico pra quem conheço. Grato.

    • Andreicksa, em 01/03/2012

      A declaração de isento foi suspensa. Podia ser feita através do site da Receita, mas como uma boa parte da população não possuía acesso aos canais de atendimento eletrônicos e “esquecia” de recadastrar o CPF causando muitos transtornos já que o CPF ficava suspenso, a Receita suspendeu o serviço.

    • Gabriel, em 21/08/2012

      Meus rendimentos são isentos, não atingem o valor para obrigação de decalarar, mas eu tive algumas pequenas operações em bolsa de valores e títulos públicos. Ainda assim preciso declarar?

  2. Jônatas R. Silva, em 06/03/2012

    Muito bom Vitor, lembrou de tudo.
    Abraço.
    @jonatasrs

    • Vitor Nagata, em 28/03/2012

      Jônatas, muito obrigado pelo comentário!
      Abs!

  3. Artur Nehmi, em 06/03/2012

    Sensacional a foto escolhida, estão de parabéns!
    Aliás, são sempre muito boas, com um tom de humor mas sem deixar de transmitir perfeitamente a mensagem!
    Abraços

    • Vitor Nagata, em 28/03/2012

      Artur, obrigado pela mensagem!
      Abs

  4. Michelle, em 07/03/2012

    Trabalhei até abril/2011 e tive IR retido na fonte. A partir de maio passei a constar como dependente do meu marido. Como faço para receber a restituição desses meses que paguei? Tenho que fazer uma declaração separada desses meses?
    Obrigada

    • Vitor Nagata, em 30/03/2012

      Michelle, estes detalhes fogem da minha especialidade e não vou me arriscar a respondê-los.
      Abs

    • adriana ribeiro, em 10/03/2014

      Michelle na declaração do teu marido, vc informa os rendimentos que vc teve nesses meses em que trabalhou no campo rendimentos dos dependentes, ou seria vc entrega sua declaração em conjunto com o do maridao .
      ps. voce tera que entregar a sua declaração individual caso nao queira fazer em conjunto com o seu marido .
      Espero ter ajudado !

  5. Rafael Vargas, em 18/03/2012

    Boa tarde, Vitor Nagata. Meu nome é Rafael Vargas e gostei muito do seu Blog, tanto em termos informacionais quanto em termos de T.I.! Estou tentando criar um para mim, mas possuo pouco ou nenhuma perícia técnica com blogs. A natureza do emu refere-se à economia doméstica e também, ao setor de investimentos. Gostaria de solicitar alguma ajuda, porque o seu ficou excelente! Grato por sua atenção,

    Rafael Vargas

  6. Douglas, em 19/03/2012

    Olá Vitor!
    Primeiramente Parabéns pelo Blog. Está ótimo!
    Tenho uma dúvida:

    - Em 2007 comprei um imóvel financiado pela CEF com o valor venal de aproximadamente R$ 40mil, mas nunca informei nas declarações de IRPF anteriores (pois não sou obrigado a declarar). Na epoca dei um sinal de R$ 13mil para a compra, ou seja, desde então tenho uma divida financiada com o SFH (sistema de financiamento habitacional). Em 2012 vou fazer minha primeira declaração. Gostaria de informar que possuo esse bem adquirido em 2007 pelo SFH e que foi dado um sinal de 13 mil.
    Como faço para declarar meu imóvel a partir de agora?

    • Vitor Nagata, em 28/03/2012

      Douglas,
      Estes detalhes fogem da minha especialidade e não vou me arriscar a respondê-los.
      Mesmo assim lembro que todos os seus bens devem ser sempre declarados.
      Abs

    • valmir silva, em 09/04/2014

      comprei uma casa com contrato de gaveta em 2002guitei em 2008 por 67.000 o meu contador não declarou no ano seguinte ate hoje não declarei e preciso vender o que fazer hoje o imóvel vale 400,000,

  7. Luziano, em 23/03/2012

    fiz emprestimo nos anos ateriores e chegou a 15 mil, preciso declarar minha renda?

    • Vitor Nagata, em 28/03/2012

      Luziano,
      Muito obrigado pelo seu comentário! Infelizmente a descrição de seu caso ficou muito vaga, pode ser mais específico?
      Abs!

  8. MOISES GOMES, em 25/03/2012

    Olá. Tenho dúvida em relação a declaração de dependentes. Meu pai e meu avô são dependentes de minha mãe. Meu pai recebu durante alguns meses auxílio-doença. Meu avô recebe aposentadoria de um salário mínimo. Como ambos rendimentos são isentos e não tributáveis, gostaria de saber se temos que somá-los a renda tributável de minha mãe ou apenas declará-los na Guia de Rendimentos Isentos e Não Tributáveis.

    • Vitor Nagata, em 28/03/2012

      Moises, muito obrigado pela mensagem!
      No item 4 deste artigo citei que, mesmo que o rendimento dos dependentes sejam isentos, talvez não seja recomendado declarar essa renda junto com um titular com renda tributável.
      Abs

  9. ANDRE, em 27/03/2012

    no envio da declaração de imposto de renda o programa envia todos os dados independente de ser declaração simplificada ou completa?

    obrigado.. aguardo

    • Vitor Nagata, em 30/03/2012

      André, não entendi direito a sua pergunta.
      A diferença entre declaração simplificada e completa é em relação a forma de deduções, e não em relação a dados que envia a receita.
      Abs!

  10. FEBÍ DOMINGUEZ, em 29/03/2012

    Quer dizer entao

    • FEBI DOMINGUEZ, em 29/03/2012

      BOM POSTEI A MSN ANTERIOR ERRADA SORRY, MAS MINHA PERGUNTA ERA: QUEM NÃO ATINGIU O VALOR ACIMA DE 23 MIL NAO PRECISA FAZER ABSOLUTAMENTE NADA ? E A RECEITA VAI ENTENDER QUE É ISENTO SEM FAZER NADA CONTRA O CPF?. BEIJUSS

  11. FEBI DOMINGUEZ, em 29/03/2012

    incluindo : ou talves seja melhor fazer a declaração mesmo assim?

    • Vitor Nagata, em 30/03/2012

      Febi, se você se enquadra na categoria de isento, não é obrigatório declarar. Porém se você tem dúvidas se é considerado isento, recomendo fazer a declaração.
      Abs

  12. FEBI DOMINGUEZ, em 29/03/2012

    ah! vendi um carro em 2012 , e no ano de 2011 foi declarado, deveria declarar o veículo ?

    • Vitor Nagata, em 30/03/2012

      Febi,
      Todos os bens que você possuía em 31/12/2010 ou em 31/12/2011 devem ser declarados.
      Abs

  13. Fábio, em 02/04/2012

    Como eu faço a declaração simplificada, eu sou obrigado a declarar a minha esposa como dependente, ela teve rendimentos tributáveis de R$ 2.000,00 em 2011.

    • Vitor Nagata, em 09/04/2012

      Fábio, minha opinião é que é melhor declarar dependentes com renda de forma separada, falei sobre isso no item 4.
      Abs!

  14. Bruno, em 06/04/2012

    Vitor,
    Informações muito úteis! Obrigado!
    Eu tenho uma dúvida… Tive gastos com IOF no ano-calendário 2011. Posso declarar no IR 2012? Como faço?
    Abs!

    • Vitor Nagata, em 09/04/2012

      Bruno,
      Qual a origem do pagamento de IOF?
      Abs!

  15. Simone, em 10/04/2012

    Declarei Imposto ano passado , como isenta não tinha rendimentos , Esse ano de 2011 nao tive nehum rendimento. Declaro ou não ?? Sou obrigada a declarar ,porque declarava nos anos anteriores ??

    • Vitor Nagata, em 20/04/2012

      Simone, a opção de declarar ou não é sua, mas como não há custo além do tempo, eu sempre recomendo declarar.
      Mesmo não tendo rendimentos, vale a pena declarar por causa de atualizações de bens e direitos, por exemplo.
      Abs!

  16. Simone, em 10/04/2012

    Algumas contas estão no meu nome tipo escolas e plano de saude , mas é meu pai e meu marido que pagam. Tenho que informar isso a receita. Estou desempregada. Movimento conta poupança mas não chega a 400,00 por mes por serviços que faço de cobranças.. E ai?? Dá uma ajuda para mim. Obrigado.

    • Vitor Nagata, em 20/04/2012

      Simone,
      Você deve declarar renda e não gastos.
      Pelo que eu entendi por sua explicação, você pode ser declarada como dependente de seu marido.
      Mesmo assim eu sempre recomendo declarar individualmente, até porque não há custos envolvidos além do tempo.
      Abs

  17. Imposto de renda, em 13/04/2012

    Boa noite, meu caro, quero saber uma coisinha, fui até a receita federal me informar sobre imp de renda ja que nunca declarei, tive 24.000,00 reais de rendimento anual de 2011, disseram-me para fazer a declaração simples, pois tenho 20 por cento de desconto, a qual não atinge o valor mínimo para declarar, tenho mesmo de fazer esta declaração simples, como vou saber se tenho direito aos 20 por cento de desconto para não declarar imposto de renda, obrigado e boa noite…

    • Vitor Nagata, em 20/04/2012

      Amigo, não entendi direito a qual 20% de desconto que você se refere, acredito que você esteja falando de despesas dedutíveis.
      Neste caso faça a simulação da diferença entre declaração completa e simplificada no programa da receita.
      Abs

  18. MARIA DE LOURDES, em 18/04/2012

    Estou fazendo a declaração do meu filho, ele trabalhou em 2011 até agosto com carteira assinada, depois foi mandado embora, ele é fisioterapeuta e no final do ano emitiu recibos para pacientes, nesse caso onde coloco esses recibos na declaração?
    Não estou localizando o campo para declarar!

    • Vitor Nagata, em 20/04/2012

      Maria,
      Infelizmente estes detalhes fogem da minha especialidade e não vou me arriscar a respondê-los.
      Se não conseguir encontrar esta informação na internet ou com um profissional, me avise que eu tento ajudá-la.
      Abs

  19. Hélio, em 21/04/2012

    Olá tenho uma dúvidas. Sou divorciado e tenho uma companheira (esposa) quero declarar no meu IR. Neste caso tenho que declarar o Imóvel dela também.

    Grato

    • Vitor Nagata, em 23/04/2012

      Hélio, se o imóvel está no nome dela e ela já declarou o seu valor integral, você não precisa declarar novamente.
      Abs!

  20. Smilley, em 21/04/2012

    Ola Vitor, ja tentei retificar minha declaração duas vezes e não deu certo por um motivo e gostaria que você me ajudasse, por favor.
    O caso é o seguinte: Fiscalizei um concurso ano passado, o ENEM, e verifique no site do e-cac da Receita a pendencia que vem pedindo para eu colocar na declaração o que recebi, mas não sei exatamente onde colocar. Já tenho o CNPJ e o nome da Fundação. O valor bruto foi 146,08 e a contribuição previdenciaria foi 16,07 e a data do pagamento foi em 16/11/2011. Eu trabalho na PMMA e por la a contribuição prev. oficial é 6.105,48 e é minha principal fonte pagadora e quando eu envio a receita recebe invertidos os dados, ou seja, no e-cac aparece como se eu tivesse declarado que na PMMA é 16,07 e na Fundação é 6.105,48. Aí eu coloquei a Fundação no campo Rendimentos Recebidos Acumuladamente. Só que não resolveu.

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Smilley, desculpe-me mas o seu caso é muito específico e não me arrisco a dar um palpite.
      Recomendo procurar um profissional especializado (contador)
      Abs

  21. Adriana, em 22/04/2012

    Em 2011 fiquei afastada por acidente de trabalho e meus rendimentos não atingiram o teto. Devo declarar? E outra duvida, meu marido e eu adquirimos um imóvel ele entra na declaração dele ou na dos dois?
    Grata
    Adriana

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Adriana, declare os seus rendimentos, mesmo que não tenha atingido o teto.
      Referente ao imóvel, cada um dos 2 deve declarar a parcela correspondente a sua participação/pagamento.
      Abs

  22. Edair, em 23/04/2012

    Vitor, tenho a seguinte dúvida e fico grata se puder ajudar-me. No campo “rendimentos com dedução exclusiva” qual valor lançar, o total (capital + o lucro) ou apenas o lucro? MUITO OBRIGADA.

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Edair, os rendimentos (lucro).
      Abs

  23. Daniele, em 25/04/2012

    Bom dia, sou fonoaudióloga e fiquei sabendo de uma paciente que ela não vai declarar as despesas das sessões realizadas, porém eu já entreguei minha declaração com e declarei esses valores (pois eu já havia entregado a ela tais recibos) como devo proceder neste caso? Sou obrigada a realizar uma retificação de minha declaração para dar baixa nestes valores (recibos)?

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Daniele, confesso que não sei responder a sua dúvida.
      Recomendo consultar um contador.
      Abs!

  24. Lyo, em 25/04/2012

    Ano passado eu declarei, mas esse ano minha taxa de rendimentos e menos do q a exigida pela Receita. Preciso fazer alguma coisa ?

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Lyo, recomendo declarar de qualquer maneira.
      Abs!

  25. MARCEL, em 25/04/2012

    Olá! Minha avó tem 83 anos e é minha dependente. Em 2011 ela recebeu um total de R$ 18723,26 (INSS+pensão). No entanto, no programa do IRPF 2012 aparece que pai/avós são dependentes quando receberam rendimentos, tributáveis ou não, até R$ 18.596,94.
    Neste caso, posso declarar o valor que excedeu R$ 18.596,94, ou seja, R$ 126,32, como rendimento tributável da minha avó?
    Ou não poderei declará-la como dependente?
    Obrigado!!!

    • Vitor Nagata, em 26/04/2012

      Marcel, eu recomendo declará-la separadamente.
      Abs!

      • MARCEL, em 27/04/2012

        Obrigado pela orientação Vitor!
        Abs.

  26. Tatiane Silva, em 25/04/2012

    Vitor obrigada pelo despreendimento de orientar aqui todos nós leigos no assunto.PARABÉNS.
    Meu marido é a primeira vez que declara imposto, porém varias duvidas surgiram no preenchimento, sou dependente dele com mais duas crianças, não tenho rendimento nenhum financeiro e no campo que se pede para colocar os dependentes ja aparece um valor fixo. Como preencher de forma correta???

    • Vitor Nagata, em 27/04/2012

      Tatiane,
      Se você não tem nenhum rendimento, pode ser declarada como dependente sem nenhum problema.
      Abs

  27. Cleber, em 26/04/2012

    Recebí parte da venda de imóvel, onde houve variação patrimonial em 2011. O restante será recebido em 2012, onde será lavrada a escritura e apurado o ganho de capital. Como devo lançar este recebimento na declaração ?

    • Vitor Nagata, em 27/04/2012

      Cleber, confesso que não sei responder a sua dúvida com precisão. Meu entendimento é que seria declarado apenas no momento de apurar o ganho de capital e transferência de titularidade, mas não tenho certeza.
      Recomendo consultar um contador.
      Abs!

  28. Ricardo Cirilo, em 26/04/2012

    Ola Vitor, uma dúvida, enviei o IR 2012 informando minha esposa como minha dependente, porém não informei o seu rendimento, adivinhe o que aconteceu ? Restrição na cabeça. Minha pergunta é, fiz os cálculos e vi que não compensará mante-la como dependente, posso simplesmente exclui-la ? ou agora sou obrigado a declarar seus rendimentos ? Muito Obrigado.

    • Vitor Nagata, em 27/04/2012

      Ricardo,
      Não compensa mantê-la porque ela possui rendimentos consideráveis? Então retire-a como dependente e faça sua declaração separadamente.
      Abs

  29. Carlos, em 27/04/2012

    Olá Vitor,

    Antes de mais nada, parabéns pelo excelente blog, sempre acompanho e a toda vez que releio algum artigo aprendo mais.
    Estou com uma dúvida em relação á minha declaração. Nunca fiz, tenho 20 anos, mas tenho economias que juntei ao longo da vida, sempre fui muito poupador. Atualmente, devo ter uns uns 25 a 30 mil. Então, estava pensando em declarar para, futuramente, comprar por exemplo 1 casa na planta ou algo assim.

    Então, como faço para declarar esse valor? E quando seria o limite dele – pois não quero pagar imposto sobre isso ate porque isso foi juntado ao longo dos anos?

    Obrigado e continue com o sucesso do blog.

    • Vitor Nagata, em 27/04/2012

      Carlos,
      Como é sua primeira declaração, pode fazê-la normalmente, não há problemas.
      Abs

  30. luiz, em 27/04/2012

    boa tarde…não tenho os informes de rendimentos (sou autonomo) comprei 02 imóveis na planta , pago prestação em torno de $ 3.000,00 e mais o financiamento de um carro de $ 1.000,00….como declaro isso ?

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Luiz, entre em contato com um profissional, é barato e é mais recomendado no seu caso.
      Abs!

  31. Liviano Ramos, em 30/04/2012

    Bom dia,
    Gostaria de saber o seguinte:
    Tive rendimento inferior a R$ 23.499,15, mas tenho imposto retido na fonte, tenho que ou posso declarar???

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Liviano, eu recomendo fazer a declaração
      Abs

  32. Léa, em 15/05/2012

    Bom dia,

    Tenho uma dúvida acerca dos dependentes. Sou servidora federal e atinjo ao ano cerca de 25.900,00, porém tenho dois filhos menores como meus dependentes. Tenho que declarar IR?

    Att, Léa

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Léa, não é por causa dos seus filhos dependentes, mas sempre recomendo declarar.
      Abs

  33. DERLI, em 30/05/2012

    BOM dia vitor eu tenho uma duvida tenho uma conta polpança tudo que eu ganho coloco nela tenho que declarar os valores depositados pois uso como conta para pagar as contas de mes desde ja muito obrigado e parabens

  34. Fernando, em 01/06/2012

    Olá, ao entregar a declaração de minha esposa este ano, apresentou pendencia no ano passado 2011 referente 2010.
    Neste ano eu trabelhei como PJ e não tive rendimento suficiente para declarar, apenas minha esposa, e na declaração dela pedia para por os meus rendimentos tb, coloquei porem esqueci de informar um valor de 6.640. Fiz uma declaração retificadora para acertar e achei que ia ficar tudo certo e minha esposa recebeu uma carta cobrando imposto sobre esse valor mais multa de 75%, Isso é devido mesmo sendo uma renda minha e não dela? Afinal eu fui isento esse ano.

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Fernando, independente de ser isento, eu recomendo declarar sempre sua renda. Recomendo também fazer sua declaração separado de sua mulher.
      Abs

  35. Danila, em 04/06/2012

    Olá, estou com uma dúvida, não sou mais dependente do meu pai, mesmo assim os recibos da minha faculdade, que ele paga, servem como comprovantes para a declaração, irei fazer um procedimento médico, onde envolve hospital, exames… será que podemos usar esses recibos como usamos os da faculdade?

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Danila, não entendi direito a dúvida.
      Abs

  36. Deise, em 06/06/2012

    Se eu tiver cnpj deixo de ser dependente de meu esposo e ele perde a dedução por dependente?

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Deise, não entendi direito a dúvida.
      Abs

  37. eveline, em 07/06/2012

    Oi, vou tirar meu cnpj e vou ser empreendedora individual, mais creio que não vou ganhar mais de 15 mil por ano..
    mesmo assim tenho que declarar imposto de renda e pagar taxa?

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Eveline, não é porque você declara que você precisa pagar “taxa”.
      Abs

  38. Geraldo Rezende M. Cardoso, em 13/06/2012

    Amigo Vitor, com os meus rendimentos aferidos em 2011 fui colccado como isento na declarção de 2012 , estou com um problema de colocar minha mãe como dependente , pois o meu CPF dá como isento , e necessito comprovar sua dependência para colocá -la no meu plano de saúde , como devo proceder para conseguir tal intento , obrigado pela atenção.

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Geraldo, faça a declaração retificadora e declare sua renda, mesmo que seja abaixo do limite para ser isento.
      Abs

  39. Antonio Luiz, em 18/06/2012

    Fiz a declaração para a mãe amiga, que teve um rendimento pequeno A mãe precisou de um tratamento médico muito caro cujas despesas médicas foram infinitamente superiores à sua renda. Essas despesas foram pagas pela filha, porém todos os documentos comprobatórios sairam com o nome e CPF da mãe. Declarei no CPF da mãe e caiu na malha fina. Quem deveria ter declarado?

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Antonio, sempre quem paga é que declara.
      Abs

  40. Jo santos, em 27/06/2012

    Oi boa tarde! Eu trabalho em uma empresa de transporte e tenho renda fixa, mais também sou vendedora autonoma (venda porta a porta), o que tiro dos 2 empregos não ultrapassam o limite de isenção. mesmo sendo isenta gostaria de saber se posso declarar IR,das duas rendas (pagar o ir devido da renda autonoma) para que eu possa comprovar essa renda autônoma para bancos, isso é possível? há algum problema?

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Jo, faça sim a declaração, não há problemas.
      Abs!

  41. bruna danielle, em 29/06/2012

    Bao dia.
    Quero saber qual é o valor minimo para que eu possar declarar minha renda.

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Bruna, não há valor mínimo
      Abs

  42. CELIO, em 12/07/2012

    FIZ UM PARCELAMENTO DE UMA DIVIDA ANTIGA DE IMPOSTO DE RENDA JA PAGUEI 4 PRESTAÇOES A DIVIDA FOI EM 18 MESES. AINDA NÃO FOI LIBERADA MEU IMPOSTO DESSE ANO SERÁ Q VOU RECEBER?

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Celio, infelizmente não sei responder a sua dúvida
      Abs

  43. Fabiana, em 13/07/2012

    Boa Tarde,
    Em 2011 declarei imposto de renda, mas esse ano não obtive renda dentro dos parâmetros declaráveis para fazer como tal. Minha dúvida é deveria ter declarado mesmo assim? isso pode me prejudicar de alguma forma? como ficaria?
    Obrigada

    • Vitor Nagata, em 20/03/2013

      Fabiana, é recomendável declarar, para por exemplo atualizar os bens e direitos
      Abs!

  44. Edson Pereira, em 30/07/2012

    Eu quero saber onde informar o rendimento de minha empresa na minha declaração IRPF para que eu retifique antes de ser chamado pela receita porque acabei esquecendo de informar na minha declaração.

    Aguardo

  45. Bruno, em 01/09/2012

    Uma duvida, trabalhei fora do brasil por um tempo, porém como embarcava fora vinha para o Brasil de dois em dois meses e estava recebendo em dolar, porém no banco do Brasil, sendo que a empresa pagava os impsotos referentes no país de origem trabalhada, mas aqui no Brasil não paguei nenhum imposto de renda sobre isso… terei que declarar os 7 meses trabalhados fora do brasil?

  46. Adriana, em 06/09/2012

    Estou muito confusa…fiquei sabendo hoje que meu marido deveria ter declarado o imposto de renda no ano de 2009, referente ao exercício de 2008..tentei fazer pela internet, mas tem algumas preguntas que fiquei em dúvida de responder, temos um filho, no caso relaciono ele como dependente? Ou em qual categoria ele se encaixa?E rendimentos tributáveis de PJ, o que seria? rsrs, obrigada

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Adriana, você sempre declara no ano seguinte o IR referente ao exercício passado.
      Não é obrigatório declarar seu filho como dependente.
      Abs

  47. Stela, em 24/09/2012

    Ola,
    Minha filha deixa de ser minha dependente ano que vem e vai declarar separado. Entretanto os bens declarados no imposto atual sao na maior parte dela (por doacao). Como devo proceder para nao cair na malha fina, uma vez que o patrimonio declarado ate agora vai reduzir drasticamente?
    Grata

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Stela, não entendi precisamente como foi declarado seu IR, quem doou para quem e em qual será declarado os bens. Pelo que entendi o melhor é fazer uma doação (abaixo de R$ 46 mil é isento).
      Abs

  48. débora, em 27/09/2012

    eu comecei a comprar e vender ações em 2009, usando um capital de 3.000,00, comprava cotas de pequeno valor e vendia lucrando um pouca a mais de 0,20cent por cota, ás vezes vendia sem ganhar nada só para não perder, a receita m procurou dizendo que eu ganhei 80.000,00 e devo 20.000,00 de imposto p receita, eu nunca ganhei nem 1.000,00, eu mais movimentava o mesmo valor … e agora o que eu fa~ço

  49. mario, em 03/10/2012

    Vitor parabens pelo post…… eu acabei esquecendo de fazer minha declaracao, mas agora ja baixei o programa e fiz a declaracao e transmiti claro vou ter que pagar a multa e tal, mas minha duvida e a seguinte deu imposto a restituir e tambem gerou imposto a pagar pois fiz algumas operacoes de day trade na bolsa gostaria de saber se tem como eu pegar o valor devido com o valor de restituicao e pagar ao governo so a diferenca ? ….grato pela ajuda

  50. marcelo de lima foz rodrigues, em 08/10/2012

    Boa tarde,
    Fui pego na malha fina, pois divido na declaração do imposto de renda o rendimento do aluguel com minha esposa. Como somos casado com comunhão parcial de bens, todo o rendimento obtido pelo casal deve ser meado. Acontece que a fonte pagadora e o bem locado são anterior ao casamento, e o inquilino por contrato, informa na declaração apenas meu CPF. A receita alegou que o imovel esta somente em meu nome, logo o rendimento deve ser declarado somente na minha declaração. O meu contador informou que a divisão de rendimentos na declaração é legal. Como agir com relação a essa questão?
    abraço

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Marcelo, declare o imóvel e aluguel em seu nome. Para fins de IR isto é o correto.
      Abs

  51. Mike, em 17/10/2012

    Tenho um único imovel no meu Nome, comprei ele fazem 10 anos, agora jah esta quase pago e quero vendelo e parte do dinheiro pagarei o saldo da divida, o imovel custa 150 mil, se vendo ele e nao irei comprar outro, por exemplo uso o dinheiro para viajar, tenho que pagar imposto de 15%?

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Mike, no seu caso (alienação de único imóvel em seu nome com valor de R$ 150 mil) há isenção de IR, caso não tenha feito outra alienação nos últimos 5 anos.
      Abs

  52. Edson Silva, em 20/10/2012

    Olá. Entreguei a declaração IRPF 2012 cumprindo todas as normas legais, mas recebi da RF uma notificação para corrigir dados na seção pagamentos efetuados. Ja fiz a correção e agora como devo enviar a declaração e pagar a diferença cujo valor é maior do que o anteriormente informado? Quais campos devo marcar (parcelei em duas vezes)? Obrigado.

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Edson, infelizmente não sei responder a sua pergunta, recomendo procurar um profissional especializado.
      Abs

  53. gerludson, em 22/10/2012

    ola tenho uma duvida cruel, há 3 anos sou separado da minha ex mulher só que continuo pagando o plano de saude dela sem contar com as dispesas que continuo pagando como agua,luz, alimentação etc.. gostaria de saber como faço para declarar essas dispesas junto ao imposto de renda pois ela trabalha e nao compensa coloca-la como dependente. já fiz a simulação e nao vale apena, me falaram q seria interessante eu fazer uma delaração de pensaao junto ao cartorio de registro e nota para eu colocar essas dispesas e deduzir esses valores, seria interessante ou vc me indicaria outra ideia. grato

  54. maxwell batista pereira, em 25/10/2012

    não consigo declarar a isenção de 2010, 2009.
    Ajude-me por favor

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Maxwell, não é necessário mais declarar isento.
      Abs

  55. Matheus, em 02/11/2012

    Opero na Bolsa, faço day trade compra e venda no mesmo dia de indice do mercado futuro, exisite um valor minimo que eu possa declarar como isento? Até então tinha lido que é 20% de imposto sobre o ganho mensal , mas não sei bem como declarar e como fazer pra minimizar prejuizos e impostos.

  56. Piedade Soares, em 02/11/2012

    Oi! Sou isenta, pois minha renda não chega ao valor para declarar mas, fiz um trabalho e o imposto foi recolhido na fonte. Mesmo com esse pagamento não chega ao valor para declarar. Como faço para receber o dinheiro que foi descontado? Obrigada!

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Piedade, não há como receber o dinheiro que foi descontado.
      Abs

  57. Antonio Miguel Matioli, em 10/11/2012

    Declarei minha esposa como dependente como agora ela trabalha veio para mim retificar só como faço retiro ela como minha dependente para retificar ou tenho que pedir para ela pegar os rendimentos na empresa para eu lançar la vem o total que ela recebeu no ano mas o décimo terceiro não esta descriminado o que eles pede.

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Antonio, recomendo retificar e fazer a declaração dela separadamente.
      Abs

  58. Marcelo Reis, em 13/11/2012

    Vitor, boa noite! Parabéns pelo blog e pelo apoio aos muitos duvidosos. Tenho um imóvel e declaro o valor que vem no IPTU, ou seja a cada ano há reajuste, a escritura consta 25 mil feita em 1999 em 2011 o valor do IPTU foi de 53 mil, sendo este que declarei. Como faço para corrigir ou não é necessário a correção e se tenho que pagar alguma multa pelo “ganho de capital” declarado. Fiz reformas em 2010 em valores acima de 20 mil e possuo notas fiscais, há como utilizá-las? Obrigado pela atenção e aguardo ajuda.

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Marcelo, você não deve atualizar o valor do imóvel na declaração de IR na seção Bens e Direitos, o valor deve ser sempre o de aquisição. A única mudança que pode acontecer é no caso de benfeitorias (como as reformas). Lembre-se de guardar as notas fiscais.
      Abs

  59. Marcelo Reis, em 13/11/2012

    Vitor, boa noite! Parabéns pelo blog e pelo apoio aos muitos duvidosos. Tenho um imóvel e declaro o valor que vem no IPTU, ou seja a cada ano há reajuste, a escritura consta 25 mil feita em 1999 em 2011 o valor do IPTU foi de 53 mil, sendo este que declarei. Como faço para corrigir ou não é necessário a correção e se tenho que pagar alguma multa pelo “ganho de capital” declarado. Fiz reformas em 2010 em valores acima de 20 mil e possuo notas fiscais, há como utilizá-las? Obrigado pela atenção e aguardo ajuda. Obrigado.

  60. Leimartte, em 15/11/2012

    Boa noite.
    No fim de 2011 comprei um carro no meu nome, parte foi financiado. Paguei apenas umas 4 ou 5 parcelas e depois quitei o valor de R$ 15.000,00. Esse ano, agora em outubro, comprei outro carro, dei R$ 6.500,00 de entrada e parcelei r$ 12.500,00 em 48x.
    O primeiro carro nós vamos deixar com a minha sogra, mas ainda não fizemos a transferência.
    Eu tenho que declarar os dois carros?
    Se não declarar o que acontece?
    Eu sou muito preocupada. (a única coisa de valor que pode tem é o nome)

    Obrigada desde já

    • Leimartte, em 15/11/2012

      Detalhe, eu não declaro imposto de renda e a minha renda bruta é de R$900,00.

      • Vitor Nagata, em 27/03/2013

        Leimartte, declare a doação do valor carro para sua sogra, e ela declara o recebimento da doação, e declara o carro como bem.
        Abs

  61. Pedro, em 18/11/2012

    Sou novo por aqui e não sei se posso fazer perguntas, mas aqui vai a pergunta: Se puderem me responder ficarei muito agradecido. Como declarar altos ganhos de investimentos feitos pela web negócios tipo investimentos de alto retorno?
    Grato.

  62. Carla, em 13/01/2013

    Oi Vítor.
    Se puder me ajudar, seria de grande valia. Meu sogro teve sua aposentadoria suspensa indevidamente pelo INSS, após processo judicial que foi ao seu favor, recebeu em 2008 um valor de 136 mil reais dos atrasados, teve retenção na fonte, mas nao declarou, pois a única rend que tem é a aposentadoria e no informe de rendimentos dele nao apareceu e por falta de conhecimento nao comunicou a receita. Agora a receita tá cobrando dele 26 +20 multa total de 56 mil e ele nao tem como pagar isso. Vc tem alguma sugestão pra nos dar? Um abraço e parabéns pelo blog.

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Carla, peço desculpas mas infelizmente não tenho a competência para ajudá-la. Contrate um profissional especializado para isso.
      Abs

  63. Luís Fernando, em 29/01/2013

    Eu estou cursando mestrado e pago 1.200 reais por mês. Gostaria de saber se eu tenho direito a ressarcimento de apenas 3.000,00 ou durante os próximos anos posso receber o que gastei? Pois foram mais de 13.000 reais. Obrigado!

  64. Fernanda, em 08/02/2013

    Declarei o Imposto de Renda de 2011 como dependente da minha mãe, porém ao fazer o IR de 2012, acabei incluindo erroneamente, e enviando no sistema de 2011 o IR DE 2012, ou seja, saiu como retificadora. Fui a Receita para efetuar o cancelamento, porém, quando faço a consulta no sistema da Receita e-CAC, diz que eu declarei o IR DE 2011 e que não é possível me incluir como dependente da minha mãe, sendo que no ano declarado (2011) ela já recebeu sua restituição. Agora estão cobrando a devolução da restituição incorreta com juros, sendo que era só cancelar o IR 2012 que está declarado como 2011 que estaria tudo resolvido. Nesse caso, como procedo para que a restituição ocorra de maneira correta, já que faz mais de 4 meses desde que tudo começou, somente pelo fato de ter enviado o IR de 2012 no ano de 2011 incorretamente?

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Fernanda, infelizmente não sei como ajudá-la. Recomendo pedir ajuda a um profissional especializado.
      Abs

  65. rosa maria, em 26/02/2013

    Boa tarde , fiquei viuva o ano de 2012 ,recebo uma pensao e minha filha e de menor recebe tambem um contra cheque eu sei que eu tenho que fazer a minha declaraçao tenho que colocar ela como dependente e tenho que fazer a dela tambem, e como devo colocar o banco para ela restituir no meu onde o pagamento dela vai tambem desde ja agradeço pela resposta

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Rosa, não entendi direito a sua dúvida, poderia repetí-la?
      Abs

  66. ana, em 27/02/2013

    Boa tarde, emite um recibo no ano passado referente a seis meses de serviços prestados como autonôma. Gostaria de saber se devo declarar o valor no mês que o emite ou devo dividi-lo pelos seis meses trabalhados. Outra dúvida não tenho certeza sobre o mês de emissão se foi junho ou julho e a pessoa para quem o emite já faleceu. Corro algum risco, se declarar no mês errado. O valor é menor do que R$2000. O que faço.Obrigada

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Ana, como o valor é pequeno, você pode emitir na seção Rend. Trib. Recebidos de PF/Exterior.
      Abs

  67. Wagner PInheiro, em 28/02/2013

    Vitor, muito esclarecedor seu artigo, ainda assim, talvez por ser realmente leigo ainda tenho dúvidas relacionadas a rendimentos de dependentes. Em 2012, fui o responsável financeiro pelo plano de saúde de meus pais (R$ 1000,00/mês). Meus pais são aposentados e recebem um salário mínimo/cada de aposentadoria. Essa renda deve ser lançada em RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS PELO DEPENDENTE, ou RENDIMENTOS ISENTOS e NÃO TRIBUTÁVEIS, Itens 06 ou 07??

    Obrigado

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Wagner, no Rendimentos isentos e não tributáveis dos dependentes.
      Abs

  68. mariana nascimento, em 01/03/2013

    olá
    Minha renda é menos do que a exigida pra declarar o imposto de renda, sou isenta, gostaria de colocar minha mãe que é isenta também e aposentada que recebe um salario minimo de aposentadoria no meu trabalho como dependente para que ela possa ter direito aos meus benefícios? isso é possível ou somente se eu declarasse mesmo e ela fosse isenta? Obrigada

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Mariana, independente do caso, não sei se será possível seus pais receberem seus benefícios. Converse sobre este assunto com o responsável em sua empresa.
      Abs

  69. pedro manoel de souza, em 04/03/2013

    sou aposentado por invalidez permanente -insento-
    tenho plano de saude , e tenho minha esposa como dependente no plano, até agora foi feito declaração separado ela ganha mais do que eu se fizermos declarção junto ela pode abater o que desconta no meu contracheque ?me ajude

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Pedro, não entendi direito sua dúvida, mas recomendo continuar declarando separadamente.
      Abs

  70. Eleni, em 11/03/2013

    Ola Vitor, encontrei se bloc, não sei se ainda esta ativo mais vamos tentar.,
    Pago convenio para meu amrido veio descontado direto no mei informe de redimento, como faço para restituir ele não é meu dependente para imposto de rende ele também fazer sua propria declaração.posso declarar este valor na declaração dele? ´so que o desconto esta no meu informe de redimento porque sou eu que pago

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Eleni, como as despesas estão vinculadas a você, deve ser especificado em sua declaração.
      Abs

  71. Joana, em 12/03/2013

    No ano passado, 2012, recebi 02 apartamentos resultante de uma partilha de separação judicial a título de “meação”.
    pergunta: O valor do bem deve ser informado na minha declaração de IRRF 2013 no mesmo valor que o meu cônjuge informava na declaração dele?

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Joana, infelizmente não tenho a competência para lhe ajudar com isso. Recomendo consultar um profissional especializado.
      Abs

  72. M anoel Getulio Case, em 12/03/2013

    Apesar de ser isento, recebi ano passado , 30 mil( Causa trabalhista ) tendo sido retido na fonte 11 mil; sei que devo faz\er a dec. a fim de receber a restituição; creio que tenho de declarar como fonte pagadora a entidade que figurava como REO na questão, ñ é isso?
    Muito Obrigado pela ajuda.

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Manoel,
      Exatamente. Mas peça ao setor financeiro da empresa para lhe enviar um informe de IR.
      Abs

  73. Manoelj, em 13/03/2013

    sou aposentado por invalidez e sou isento ,como sou dependente da minha esposa , posso fazer a declaração em conjunto para que ela tenha uma restituição maior . sim ou não?

  74. leonel, em 14/03/2013

    Olá! sempre declarei meu imposto de renda sem colocar dependentes, esse ano coloquei meu filho que nasceu no ano passado e minha esposa. minha esposa tem renda que não precisa ser declarada. sendo que a incluir mas não informei a sua renda, minha dúvida é se devo tirá-la da declaração e fazer a retificadora ou mante-lá e fazer uma retificadora incluindo a sua renda junto a minha. pelo que eu vi não é vantajoso como vc mesmo citou acima. daria algum problema eu deixar do jeito que está ou preciso fazer uma dessas alterações que citei? grato

    • Vitor Nagata, em 27/03/2013

      Leonel, faça a simulação para ver o que é mais vantajoso. Vai depender da renda de sua esposa.
      Abs

  75. Luiz Carlos, em 15/03/2013

    Olá, primeiramente parabenizo pelo Blog!!!Muitas informações importantes de de dificil acesso são tratadas aqui de forma simples e direta. Agora meu caso, lendo o blogo vi a dica “dividir alguns bens/rendas comuns com o cônjuge, como, por exemplo, um aluguel” no meu caso é justamente o aluguel. O imovel está na declaração da minha esposa, mas o contrato de aluguel n aimobiliaria está no meu nome, posso colocar todos os valores recebidos do aluguel do imovel na Declaração da minha esposa?ou tenho que dividir?Desde já agredeço

  76. Rodrigo, em 17/03/2013

    queria saber como eu faço pra receber imposto retido na fonte e q nem todo mes meu salario ultrapassa, depois q chega no final do ano somo tudo e nao ultapassa os 24.000 ,como vou fazer pra declarar e receber o q eles descontaro da minha renda??????

  77. Isabela Lotierzo, em 18/03/2013

    Vitor, boa tarde! O contador da empresa na qual trab. me orientou a fazer a declaração de IRPF ,mesmo sendo isenta. Ele me disse que é bom para eu ter hum histórico e que me ajudaria quando eu precisasse fazer um financiamento imobiliárioa e tal. Procede? Obrigada!

  78. Lucas, em 19/03/2013

    Olá, vou ter q fazer a declaração esse ano pq ultrapassei o limite estipulado pela receita…fiz como isento a dois anos atrás e a minha mãe era minha dependente no plano de saúde pela empresa onde trabalho…ela ainda consta como minha dependente na folha de pagamento, mas não faz mais parte do plano médico…ano passado ela trabalhou e teve rendimentos mas a empresa onde ela trabalhou não forneceu nenhum tipo de documento onde posso ver todos os rendimentos q ela obteve…posso declarar ela como minha dependente mesmo sem fornecer os rendimentos dela ou não? Desde já obrigado pela atenção!!

  79. Valderly, em 22/03/2013

    Boa Noite, sobre essa tributação exclusiva dos valores aplicados em fundos (referenciado DI) ,esse ” come-cotas descontado na fonte em maio e novembro .
    é declarado no imposto de renda como pagamentos ou outros ?
    é possível esse R$$$$$$$$$$$ SER DEVOLVIDO ? TODO ANO ME LEVAM UM ABSURDO ,QUE PRA ELES NÃO É NADA .
    GRTA

  80. Michelly Magalhaes, em 26/03/2013

    Vitor,quando me casei mudei meu nome e agora comecei a nudar meus documentos,e até agora tenho somente o titulo com o novo nome,e na declaração pede o numero isso vai dar complicação,com certeza né,eu não sou obrigada a declarar pois o total do rendimento é de R$ 14.303,35, ficou R$ 70,30 retido na fonte. Mas minha dúvida mesmo é eu já entrei no sistema cheguei a digitar meu cpf , nome e data de nascimento,com essas informações que já passei,agora eu sou obrigada a declarar? Estou muito preocupada.
    Por favor me da um retorno.
    Suas respostas são bem claras e objetivas ajuda muito.
    Desde já agradeço!
    Att
    Michelly.

  81. Rodrigo, em 27/03/2013

    Oi entrei num financiamento de um imóvel no final do ano passado, como faço para lançar isso na minha declaração? Tenho que informar? É Bem ou dívida?

  82. GESIELA, em 27/03/2013

    Em 2012 recebi “direitos trabalhistas” referente a 2011 ( ferias e parte do 13 terceiro) do emprego anterior como funcionaria publica. Devo declarar essa informação?

  83. ana, em 01/04/2013

    eu declaro imposto de renda pois tinha investimentos em meu nome, mas hoje não tenho mais. Gostaria de saber se preciso ainda declarar mesmo não possuindo nada em meu nome? abraços

  84. Eunice A M, em 12/04/2013

    Olá , gostei do Blog , mas fiquei com duvida:devo lançar o valor total da aplicação ( previdencia) ou renda fixa, ou apenas rendimentos?? sobre dividas, carro financ., LANÇO O SALDO DEVEDOR EM DEZ-12?
    GT

  85. Carolina, em 19/04/2013

    Declarei o imposto de renda do ano-calendário 2012 usando o programa do ano calendário 2011. Ao entregar, recebi mensagem informando que entreguei com atraso e foi gerada uma multa. Com isso, fiz a retificação zerando todos os valores, pois no ano calendário do sistema eu era isenta. Eu procedi corretamente? A multa permanecerá? O que devo fazer?

  86. Ivo Junior, em 24/04/2013

    Tenho uma dúvida e preciso de uma ajuda…
    Pago o consórcio de um veículo e já fui contemplado no ano de 2011 quando comprei o veiculo em setembro. Na declaração de 2012 não lembrei de declara-lo porém gostaria de declarar este bem na declaração deste ano e não sei como realizar a inserção destes dados, falta apenas esta informação para concluir a declaração.
    Conseguiriam me auxiliar neste ponto?

    Grande Abraço

  87. Laila Christina, em 24/04/2013

    Ola Vitor, recebi do espólio do meu pai uma herança em dinheiro e logo fiz uma aplicação no CBD. Como faço para declarar essa herança? Estou com dúvidas em como declarar pois nao quero ser tributada em duplicidade. Agradeço no que puder ajudar!

  88. Jair Sousa, em 29/04/2013

    Meus rendimentos anuais ultrapassaram o valor exigindo pela isenção asssim preciso declarar. Gostaria de saber como declarar pela primeira vez, uma vez que o site pede o n° do recibo da ultima declaração!!!

    Obrigado.

  89. Colin Morgan, em 12/09/2013

    Olá

    Você está procurando por um empréstimo muito genuíno? A uma taxa de juros acessíveis? Processados ​​dentro de 3 a 6 dias úteis. Você foi recusado constantemente por seus bancos e outras instituições financeiras?
    A boa notícia é aqui! Oferecemos empréstimos que variam de R $ 1.000,00 Min. para US $ 5.000.000,00 Max. à taxa de juros de 3% ao annum.contact-nos hoje em libertyfinancials50@gmail.com

    Primeira informação necessários são:
    Nome: ………
    Outro Nome (s): ……..
    Sexo: ………
    Estado civil: ………
    Contato Endereço: ………
    Cidade / CEP: ………
    País: ………
    Data de nascimento: ………
    Montante necessário como Empréstimo: ………
    Empréstimo Duração: ………
    Renda Mensal: ………
    Profissão: ………
    Finalidade para Empréstimo: ………
    House Telefone: ………
    Celular: ………

    Atenciosamente,
    Colin Morgan, gerente

  90. claudia, em 07/10/2013

    oi..
    preciso de ajuda urgente. eu e minha filha compramos uma casa em 10.2012,sendo q a proprietara pediu o haras p segurar a venda.fizemos o contarto no meu nome,mas ela já sabendo q não podia fazer a escritura no meu nome pois ainda não estou separada judicialmente.mas ela declarou o imposto de renda no meu nome.hje ela não quer de jeito nenhum fazer a escritura no nome da minha filha,alega q não pode pq declarou no imposto o meu nome.isso já fazem 1 ano e não consigo resolver.ela não pode fazer uma retificação no imposto?.minha filha paga consorcio e foi contemplada….que faço?

  91. Gleyds, em 21/10/2013

    Olá, Vitor!
    Gostaria que me tirasse uma dúvida.
    Em 2011 me submeti a um procedimento cirúrgico.
    Porém quando fui fazer a minha declaração, não informei todos os recibos referente a esta cirurgia. Agora fui chamada na Receita Federal.
    A pergunta é: posso retificar esta declaração agora, inserindo estes recibos que não foram apresentados?
    Fico no aguardo de um feedback positivo.
    Atenciosamente
    Gleyds Rocha

  92. Andreza Ponyes, em 19/12/2013

    Olá boa noite! Fiz a declaração do Imposto de Renda 2013 conforme o estabelecido e dentro do prazo. Parcelei em 8x , porém só paguei duas parcelas. Preciso quitar todas as outras 6 de uma só vez?? Tem prazo para esta quitação?? Se puder ajudar agradeço muito! Obrigada!

  93. ERNANDO, em 23/12/2013

    pessoal como faço para transformar minha declaração completa em simples utilizando os mesmos dados para não ter que fazer outra.

  94. Aderbal, em 17/02/2014

    Declarei imposto esse ano e caí na malha fina pois não declarei no ano anterior (ao qual eu era isento). Está pedindo o número do recibo do ano que não declarei por ter sido isento. O que fazer?

  95. Jose Eduardo Costa, em 18/02/2014

    Bom dia. Gostaria de saber . Se eu retirar um dependente de minha declaração de imposto de renda , tenho que justificar o motivo da retirada desse dependente, sendo menor de idade.
    Aguardo uma resposta.

  96. santiago, em 27/02/2014

    Conheça o sistema de renda extra e ganhe dinheiro em casa https://www.frpromotora.com/45034939ro

  97. san, em 07/03/2014

    Olá vitor nagata tubo bem?parabéns pelo blog,a minha pergunta é um seguinte,exemplo,eu tenho um valor de 20mil no banco,e eu não movimento essa conta,mas trabalho numa empresa e ganho um valor 1,600 reais,tenho que declarar?

  98. Julio Cesar, em 11/03/2014

    Como faço para declarar um carro que tenho quitado desde 2011, porém eu tinhas os requisitos para fazer declaração. Agora este ano (2014) preciso declarar ao IR. Posso declarar colocando todos dados e valor sem CPF do vendedor?

  99. renan, em 12/03/2014

    se omitir a caderneta de poupança de meu fiho que é dependente ,o que pode acontecer?

  100. Anivan, em 16/03/2014

    Ano passado declarei minha esposa como dependente. Este ano, devido o aumento no salário dela,separei as declarações e este ano fiz separado.Na dela, tenho de informar o meu nº de recibo ou deixar em branco?

  101. Fábio Torres Matta, em 17/03/2014

    Passei todo o ano de 2013, impossibilitado de trabalhar por motivo de doença e recebendo benefício do INSS. Estou desempregado. Tive muitos gastos com cirurgia, médicos, ressonâncias, etc. Fui declarar o imposto de renda e não recebi restituição. Por que?

  102. Cleber, em 24/03/2014

    Bom dia Vitor

    Meus rendimentos não ultrapassam 25.661,70, o valor limite para a declaração para este ano, mais eu o ano passado comprei uma casa financiada, eu sou obrigado a declarar ou não.

  103. Lourdes Roverssi, em 26/03/2014

    gostaria de saber se é obrigatório informar o CPF do conjuge, mesmo ele sendo desobrigado a declarar??? se não informar pode dar problema???

  104. Sandra, em 01/04/2014

    Victor bom dia. Minha dúvida é quanto a restituição, fiz separadamente a declaração minha e de meu marido, só que pedi que a restituição posse para a mesma conta corrente pois a conta é conjunta. Ha problema ou terei que retifica-la

  105. Muito informativo, em 04/04/2014

    Dr. Victor – Onde declaro salário-família – Decl. 2012 e NAS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES – EXTRATO DE PAGAMENTO – Despesas Médico-Odonto Hospitalares posso declarar em pagamentos? É totalmente dedutível?

  106. Dr. Victor, em 04/04/2014

    Dr. Victor e a pensão judicial concedida a esposa, sem filhos menores decorrente de escritura pública é totalmente tributável?

  107. athony shirly, em 15/04/2014

    Estou monica scott pelo nome. Eu vivo nos EUA, eu quero usar este meio para alertar todos os requerentes de empréstimo que ter muito cuidado, pois existem golpistas everywhere.Few meses atrás eu estava financeiramente tensas, e devido ao meu desespero eu estava enganado por vários credores online. Eu tinha quase perdido a esperança, até que um amigo meu me encaminhou para um credor muito confiável chamado Sra. Nascido Gancho que me emprestar um empréstimo sem garantia de 85 mil dolares em duas horas, sem qualquer stress. Se você está na necessidade de qualquer tipo de empréstimo apenas em contato com ele agora via: carolinabruceloanfirm@live.com Estou usando este meio para alertar todos os requerentes de empréstimo por causa do inferno passei por nas mãos de os credores fraudulentos. E eu não quero mesmo meu inimigo de passar por tal inferno que passei por nas mãos dos credores fraudulentos online.

    Deus a abençoe sempre.

  108. diana avelino, em 20/04/2014

    Pode me esclarecer por que sempre faço as deduções com instrução e saúde,mas sempre sou restituída apenas o valor do imposto de renda retido na fonte.Qual o meu erro?

  109. christ jucio, em 13/05/2014

    Olá
    você precisa de um empréstimo para comprar uma casa ou pagar a sua dívida, se sim entre em contato conosco sobre este e-mail; christjucioloanlender@gmail.com

  110. Marcia, em 27/05/2014

    Tenho um imovel que comprei emm 1997 e outro em 2004 todos financiados hoje estao quitados, mas nunca declarei por nao sabet e entender nada disso!!! Foram comprados com ajuda do meu pai, meu sogro avos e minha, o que faco para declarar? Ou nao declaro, o que fazer queria organizar minha vida com tranquilidade!!!! Obrigada

  111. Filomena, em 16/07/2014

    Oi, trabalhei um tempo contratada e foi a primeira vez que passei a ser a não isento, não entendia nada disso, aí tive que pagar multa. A questão é : pago a multo e não recebo restituição?
    Obrigada

  112. Marcelo, em 27/07/2014

    Coloquei minha esposa como dependente mas esqueci de colocar seus rendimentos, recebi uma carta da receita pedindo para fazer a retificação colocando o valores de seu rendimento, ao fazer a retificação apareceu imposto a pagar sendo que tinha imposto a restituir, sou obrigado a pagar este valor ou somente corrigir o que foi pedido? Aguardo resposta. Obrigado

  113. Alonzo peter, em 10/08/2014

    você precisa de um empréstimo que você está precisando de ajuda financeira para pagar a sua dívida, se sim contato amável este e-mail;? meritsfinancecompany@gmail.com

  114. maria vilani, em 19/08/2014

    Meu contador fez minha declaração e veio pra retificar por ter colocado minha filha a ue recebru proventos do primeiro emprego,e pedia tbm os recibos de uma receitas medicas.Ele disse que ajeitou e nao precisava dos recibos estou anciosa e preocupada , será que ainda recebo e quando?Pq sempre recebia em agosto e não precisa memo dos recibos nao? Por favor me tire essas duvdad.Obrigada!!

  115. maria aparecida, em 20/08/2014

    nao declarei meu imposto ano calendario 2011 e eu tinha direito a restituiçaõ ainda posso declarar e pedir ? o que posso fazer?

  116. francini, em 23/09/2014

    Recebi uma heranca. Gostaria de saber Como EU declaro e quantos porcento o leao vai ficar?grata

  117. maria de lourdes coelho santos, em 25/09/2014

    ola boa tarde. estou com impostos atrasados.e já pedir pro meu contador parcela pra mim mais ele disse q ñ tem mais como parcelar e eu ñ tenho como pagar todo de uma vez por favor me ajude como devo fazer/

  118. Moises Ricandiho, em 05/11/2014

    Você precisa de ajuda financeira ou empréstimo urgente? e você tem de ser decepcionado por bancos. Nós podemos fornecer financiamento direto de até 5 milhões a taxas de juros convenientes Para mais informações e exigência de ficha de inscrição, entre em contato conosco através do e-mail uspf.associates(@)gmail.com
    Atenciosamente.
    Moises Ricandiho

  119. rachel, em 12/11/2014

    Olá,
    Esta é para informar o público em geral que a senhora Rachel Williams, um emprestador empréstimo privado tem abrir uma oportunidade financeira para todos que precisam de qualquer ajuda financeira. Damos o empréstimo a 2% taxa de juros para indivíduos, empresas e sociedades sob uma termos e condições claros e compreensíveis. contacte-nos hoje por e-mail para que possamos dar-lhe os nossos termos e condições do empréstimo em: (passionloancompany1 @ gmail. com)

Deixe seu comentário

*

Receba as novidades do Blog do Investidor